Blogs | Blog do Dresch - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2015

01/04/2015 01:08

                   O governador Renan Filho e o diretor-presidente da Algás, Arnóbio Cavalcante, assinaram ontem a ordem de serviço para inicio dos trabalhos de duplicação do gasoduto Pilar/ Marechal Deodoro. A obra terá 14 quilômetros de extensão e vai custar R$ 11 milhões, sendo que 20% do valor através de recursos próprios da Algás. “A duplicação é imprescindível para garantir o fornecimento de gás natural a 89% da atual demanda do estado, bem como para fortalecer o processo de industrialização de Alagoas” frisou Arnóbio Cavalcante. A duplicação vai permitir a ampliação do fornecimento de combustível ao Pólo Multissetorial de Marechal Deodoro.

 

Reajuste dos remédios

                   Uma resolução da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed), publicada ontem (31) no Diário Oficial da União autorizou o reajuste nos preços dos remédios em até 7,7%. Os reajustes variam, sendo o percentual mínimo de 5% de acordo com o perfil do produto. A decisão é válida para mais de 9 mil medicamentos, entre eles os de uso contínuo ou administrado no tratamento de doenças graves. Também estão na lista os antibióticos, anti-inflamatórios, diuréticos, vasodilatadores e ansiolíticos. Os fitoterápicos e homeopáticos tem o preço liberado. São três tipos de aumento, dependendo da participação dos genéricos no setor. O reajuste mais alto, de 7,7% será para os medicamentos da classe em que a participação dos genéricos é igual ou superior a 20%. Mais da metade dos remédios com preço controlado esta nesta faixa. Na segunda categoria, com participação de genéricos de 15% a 20%, o aumento será de 6,35% e nesta esta o menor número de fármacos, 2,5% do total. Na última categoria, com 43% dos produtos vendidos, esta a classe com participação de genéricos abaixo de 15%, o reajuste será de 5%. A estimativa oficial é de que haja uma redução na ordem de R$ 100 milhões nos gastos com medicamentos no Brasil em um ano, para o mercado geral de medicamentos do país, para as famílias, governos e prestadores de serviços que compram medicamentos.


Infecções urinárias

                   Os números são assustadores, mas, segundo a Secretaria de Saúde de São Paulo, em média, 95 pessoas são internadas por dia em hospitais públicos daquele estado em decorrência de infecções urinárias. No ano passado foram registradas 34.343 internações por causa da doença. Do total, 66,6% das pessoas com infecção são mulheres. Isso se explica porque a mulher tem a uretra mais curta, mais próxima do ânus, e, além disso, muitas têm o costume de segurar a vontade de ir ao banheiro, e com isso deixam de lavar o sistema urinário, já que ao urinar a mulher limpa o canal de bactérias.

Infecções urinárias 2

                   Nos homens, principalmente os mais idosos, o crescimento da próstata pode obstruir o canal urinário e facilitar a infecção. Os principais sintomas da infecção são dor ou queimação ao urinar, dor no “pé da barriga” e vontade de urinar várias vezes, em pequenas quantidades. Também pode haver febre e sangramento na urina. Mas a maior parte das infecções é benigna. O tratamento é fácil com risco pequeno. Mas nas pessoas de mais idade, que já passaram por cirurgia no trato urinário, a doença pode tornar-se grave, virar infecção generalizada e até matar. O ideal é ingerir muito líquido, evitar segurar a urina e lavar as regiões genitais antes e depois de relações sexuais.

Feira do Peixe Vivo

                   Começa hoje, no Parque da Pecuária, a Feira do Peixe Vivo, que proporciona ao consumidor a aquisição de pescado fresco, escolhido e tratado na hora, garantindo as boas práticas de produção, higiene e processamento. A Feira será realizada hoje e amanhã, e a expectativa é que sejam comercializadas três toneladas de peixe, segundo Manoel Sampaio, Superintendente de Aquicultura da Secretaria de estado da Agricultura, Pesca e Aquicultura. No local a população poderá adquirir o peixe fresco diretamente com o criador e a um preço mais acessível.

E agora será que sai?

                   Os integrantes do Elo Nacional da Rede Sustentabilidade garantem que até o final de Abril, o registro solicitado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai sair. Segundo os organizadores do partido, faltam 32 mil assinaturas serem validadas, mas 80 mil estão em processo de certificação. Até o presente momento, já foram certificadas pelo TSE cerca de 450 mil assinaturas, desde 2013, quando o partido começou a ser organizar. Obtendo o certificado, o Rede Sustentabilidade, poderá participar efetivamente das eleições do próximo ano.

E agora será que sai? 2

                   O porta-voz do partido, Basileo Margarido explicou que, após receber o pedido o TSE tem 30 dias para o julgamento, e depois disso o Rede Sustentabilidade pretende se dedicar á organização. Segundo ele, o Rede já é um partido de fato, com instâncias já constituídas em mais de 20 estados. “Temos uma série de ações que terão de ser adotadas para transformar as filiações partidárias de acordo com a legislação eleitoral” afirmou o porta voz. Para ele, o partido não esta se aproveitando do momento de crise politica. “Temos nossas propostas, nossas ideias, nosso ideário, nosso manifesto, nosso estatuto que dialoga com as grandes questões da sociedade” afirmou Margarido.

 

 

  • A Prefeitura de Maceió, através da Superintendência Municipal de Controle e Convívio Urbano (SMCCU) confirmou para hoje (quarta feira) a retirada dos ambulantes das ruas centrais da capital.
  • O esquema de retirada terá inicio às 8h da manhã com o fechamento das ruas de acesso ao calçadão e com a utilização de um contingente de mais de 200 homens.
  • De acordo com o Superintendente da SMCCU, Reinaldo Braga, a ação será preventiva, uma vez que os camelôs sabem que estão em situação irregular, e impedir-lhes o acesso aos pontos de comercialização garantirá o êxito da operação.
  • A Prefeitura já concluiu um novo recadastramento dos ambulantes e os que trabalham dentro da legalidade, estão instalados no Shopping Popular ou na Praça dos palmares.
  • Os que estão foram dos padrões e insistir em ocupar o espaço proibido nas ruas centrais terá a mercadoria apreendida e somente liberada após 30 dias.
  • O trabalho preventivo será feito pela Polícia Militar, Guarda Municipal, fiscais da SMCCU, Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente, SMTT e Vigilância Sanitária.

01/04/2015 01:01

De Ilimar Franco, em "O Globo": "O Fundo Partidário virou uma indústria de partidos nanicos. Vem aí o PL, do ministro Gilberto Kassab, e o PMP, de Valdemar Costa Neto, condenado no mensalão. Um ex-deputado, que já foi de uma sigla nanica, explica que o dinheiro do Fundo é usado por deputados e senadores, na condição de presidentes regionais de uma legenda, para manter comitês (sedes), contratar parentes (funcionários) e cabos eleitorais. Ele diz que o deputado de uma agremiação nanica não tem peso político mas está com a vida ganha. Esse político pegou, a título de exemplo, o Solidariedade, presidido pelo deputado Paulo Pereira da Silva (SP), e que tem 16 parlamentares. No ano passado, a sigla recebeu R$ 7 milhões. Esses recursos garantem aos seus deputados manterem campanha permanente durante o mandato. A lei permite que esse dinheiro seja gasto também com propaganda política, criar e manter instituto ou fundação de pesquisa. A cota do PSL, R$ 1,8 milhão, serve a um deputado. A do PTC, R$ 2,2 milhões, atende a dois; e a do PMN, R$ 2,5 milhões, a três. Os especialistas eleitorais afirmam que a renda desses partidos, e dos seus, é maior com a venda do tempo de propaganda na TV, viabilizada pelas coligações partidárias."

Incômodo

Pela excelente figura humana que é e pela competência inconteste, o conterrâneo Vinícius Lages não merecia passar pelo vexame do “fica, não fica” no Ministério do Turismo. Se Renan Calheiros, seu padrinho político, lhe tem ou tinha alguma afeição, teria dado um basta na situação, que ficou chata para ele e para o presidente do Senado.

Na prática...

O Estado alega contenção de despesas para não ocupar todos os cargos em comissão. Mas ocorrem situações que não dizem respeito simplesmente a economia. Caso de exoneração por contenção de despesas e, no outro dia, outra pessoa nomeada em substituição à que saiu. Ou de um técnico substituído por alguém indicado politicamente.

Aplausos

Pesquisa do Núcleo de Estudos Fiscais da Fundação Getúlio Vargas, que avalia a transparência no julgamento dos processos administrativos tributários, aponta o Conselho Tributário de Alagoas dentre os cinco que receberam nota máxima. A procuradora de Estado Nadja Araujo é citada como modelo de boas práticas em transparência.

Paternidade

Normalmente se culpa a Prefeitura de Maceió pelos problemas na área de saúde. Na verdade, os ônus e os bônus devem ser compartilhados com os vereadores que controlam unidades de saúde e/ou recebem recursos para manter suas próprias unidades. O que não exime de responsabilidade o prefeito Rui Palmeira, por ser o titular da gestão.

Participação

Alagoas continua a ganhar espaços na política nacional, com a inclusão, na nova diretoria da Confederação Nacional dos Municípios, gestão 2015/2018, dos prefeitos Jorge Dantas (Pão de Açúcar), como 3o vice-presidente, e Marcelo Beltrão (Jequiá da Praia), como 2º secretário. A CNM continua presidida pelo gaúcho Paulo Ziulkoski.

Positivo

A expectativa da ABIH/AL, junto aos seus hotéis associados, é de que a média de ocupação em Alagoas no período da Semana Santa será de 66,67% dos leitos, sendo ainda melhor para os hotéis padrão cinco estrelas: 82%. Há boas chances de esses números melhorem por conta de procura de última hora, o que é comum em feriados prolongados.

Ainda falta

A SMTT tomou uma providência acertada, estabelecendo mão única em algumas ruas que ligam a Avenida Antônio Gouveia à Rua Jangadeiros Alagoanos, na Pajuçara. Com isso, proporcionou mais segurança e fluidez no tráfego de veículos. Falta agora ter atitude para proibir que ônibus e vans de turismo façam fila dupla em frente a hotéis.

Opinião

Do cientista político Murillo de Aragão: “Para quem não gosta do PT e de Lula, Dilma Rousseff deveria ser um ídolo. Afinal, sob suas competentes mãos, estão sendo destruídos, simultaneamente, o ‘lulismo’, o ‘petismo’ e as possibilidades de Lula se eleger em 2018. Daí, ironicamente, alguns dizerem: deixem a mulher trabalhar! Nada resistirá ao furacão de incompetência política do atual governo.”

 

*Por conta da Semana Santa, as atividades do Poder Judiciário em Alagoas estão suspensas de hoje até domingo. Por coincidência, a OAB/AL não funciona hoje, para manutenção de urgência nos servidores de arquivos, emendando com o feriado de amanhã e depois.

*A secretaria estadual da Agricultura, Pesca e Aquicultura promove, hoje e amanhã, no Parque da Pecuária, a Feira do Peixe Vivo.A expectativa é de que sejam comercializadas três toneladas de peixe nesses dois dias. Horário de funcionamento: das 7 às 13 horas

*O Sine tem vagas imediatas de supervisor de elétrica industrial e supervisor de manutenção operacional, além de mecânico de moto, comprador com graduação em administração e estagiário em administração, ciências contábeis ou gestão financeira.

* As obras de instalação do site da AeC Contact Center de Arapiraca estão em fase de conclusão. A empresa já opera em sua sede própria desde sábado passado, no prédio da antiga Ceasa, proporcionando a geração de mais de 1.200 empregos.

*Alagoas estará representada no Campeonato Europeu de Jiu-Jitsu sem kimono, em Roma, Itália, nos dias 11 e 12 de abril, com os atletas Diego “Garfield” Cavalcante e Edcarlos Benjamim, ambos integrantes do projeto “Solara Jiu-Jitsu”, em seu primeiro desafio internacional.

 

“Petrobras vai privatizar propriedades da empresa. Mas tucanaram a privatização: agora se chama ‘desinvestimento’.”

Leão Serva

Jornalista

31/03/2015 01:11

                  O governo brasileiro pretende disponibilizar todos os meios necessários para que o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) cumpra todas as suas responsabilidades, garantiu o Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, o alagoano Aldo Rebelo. Segundo ele, a criação do CGI.br, as discussões sobre o marco civil da internet e sua regulamentação, mostram que o país vem atuando com pioneirismo no debate sobre a internet, e isso traz, além de credibilidade, responsabilidades nacionais e internacionais. Para Rebelo, a internet é a inovação, quando vista em paralelo a descobertas como a imprensa, o rádio e o telégrafo, pelo alcance nos espaços da vida coletiva e individual da sociedade.

Internet e a credibilidade 2

                    O Ministro disse ainda que espera que a atuação do Comitê Gestor continue a contribuir com o Brasil como referência de democratização e de garantia do funcionamento da internet com base nos princípios do marco civil. Para ele, a internet deve servir de meio para atender toda a sociedade como empresas, sistema financeiro, escolas, e, sobretudo, as camadas mais pobres da população. “Se não atendermos a todos, o Estado não terá cumprindo a sua função social” ressaltou. O Ministro Aldo Rebelo também confirmou presença no 10º Fórum Mundial de Internet (Internet Governance Forum- IGF), que vai acontecer de 10 a 13 de Novembro em João Pessoa, na Paraíba. É a segunda vez que o Brasil sedia o evento, e a primeira no Nordeste.

 

Dólar alto é oportuno

                   A atual cotação do dólar é uma “janela de oportunidade” para as exportações que precisa ser aproveitada. A opinião é do Ministro do Desenvolvimento e Comércio Exterior, Armando Monteiro. Segundo ele esta depreciação do real veio para ficar, mesmo reconhecendo que a cotação atual é decorrente da instabilidade mundial e do fortalecimento da economia americana, mas que pode ser amenizado em função do câmbio que estimula a politica da exportação. Mas o Ministro defende também o ajuste fiscal do governo, que na sua avaliação é uma precondição para reequilibrar a economia. Ele cita também a revisão das desonerações “que para o setor produtivo é duro”, mas necessária pela necessidade do esforço comum. Armando Monteiro acredita na manutenção do investimento no país. “Não tenho dúvida que os empresários continuarão investindo no Brasil. Grupos empresariais com os quais temos contato todo o dia, dizem que mantém seus programas de investimento. As empresas que realmente têm uma presença no Brasil sabem que isso é algo cíclico. É um processo que o país vai passar num menor ou maior prazo, mas vai ultrapassar. Esse reflexo do BNDES é natural. Houve revisão de taxas e é natural que em um primeiro momento, haja retração. Hoje, as pessoas só percebem as dores do ajuste, ou os custos associados a ele. Quando começarem a perceber o bônus, ou seja, o reequilíbrio da economia, a confiança volta e se fortalece”.

 

Contrabando de cigarro

                   Uma ação da Polícia Rodoviária Federal acarretou na apreensão, no inicio da noite do último Domingo, de 47.500 maços de cigarros contrabandeados, avaliados em R$ 2 milhões, segundo a PRF. O material vinha do Paraguai e tinha como destino a cidade de Campina Grande, na Paraíba. O condutor tentou deixar a carga e escapar, mas foi logo detido pelos agentes policiais. A carreta foi abordada no quilômetro 200 da BR 101, na altura da cidade de São Sebastião. Foi a maior apreensão de cigarros feita em Alagoas.

Contrabando de cigarro 2

                    Ao checarem a carga transportada, os patrulheiros encontraram 950 caixas com 50 maços de cigarro cada uma. O produto não tinha nota fiscal, havia sido embarcado em São Paulo e foi fabricado no Paraguai. Também foram identificados documentos adulterados da carreta, tanto do motor como no chassis. Os documentos eram falsificados e tinham queixa de roubo em Canápolis em Minas Gerais. O condutor, cuja identidade não foi divulgada já havia sido preso no Mato Grosso do Sul, seu estado de nascimento, pelo mesmo motivo e havia cumprido pena na Penitenciária de Três Lagoas (MS).

Os crimes da democracia

                   Após os crimes da ditadura, agora é a vez das atividades da Comissão da Verdade da Democracia, apurarem os crimes registrados em Maio de 2006, em São Paulo, quando 493 civis e 59 agentes públicos foram mortos de forma violenta, em confrontos entre a polícia e membros da organização criminosa Primeiro Comando da Capital. É a primeira comissão do país a apurar crimes cometidos pelo estado, na democracia. A primeira audiência de instalação aconteceu há dez dias, a pedido de um dos grupos que ajudou a criação da Comissão, o movimento as Mães de Maio.

Os crimes da democracia 2

                   Para José Filho, pesquisador da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, a consequência dos crimes de Maio de 2006 foram outras chacinas, entre elas a de Junho de 2012, que provocou a morte de 106 policiais e 306 civis no estado. A Comissão foi criada com o objetivo de apurar violações cometidas pelo estado brasileiro após a ditadura. A intenção é ouvir parentes de mortos e de vitimas de desaparecimentos forçados ocorridos em Maio de 2006, além de policiais acusados pelos crimes. Mas o trabalho será hercúleo. Somente agora em 2015 já ocorreram quase 200 mortes em confrontos em São Paulo.

 

 

  • Hoje é o último dia para que as escolas da rede pública de ensino efetuem suas inscrições na 11ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). A competição é do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa).
  • A Olimpíada é voltada aos alunos do 6º ao 9º do Ensino Fundamental e Médio, e tem como objetivo principal estimular o estudo da matemática e estimular o surgimento de jovens talentos na área.
  • Para efetuar a inscrição, basta informar o código do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (Inep) da unidade escolar, com respectivo endereço, dados do responsável e número de alunos matriculados em cada ano/turma.
  • A estimativa é que cerca de 800 escolas alagoanas devam participar da Olimpíada, segundo o coordenador no Estado, Adelailson Peixoto da Silva.
  • Ele lembra que os alunos medalhistas, além de garantirem de imediato uma bolsa pública, receberão uma formação diferenciada, oferecida, no caso, pela Universidade Federal de Alagoas, onde também receberão bolsa da graduação ao doutorado, caso opte pela carreira acadêmica, independente do curso.

 

29/03/2015 01:15

                   O deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), protocolou esta semana um novo projeto de lei que trata da legalização do aborto no país. O texto estabelece que a interrupção da gravidez poderá ser realizada nas doze primeiras semanas, tanto pelo SUS como pela rede privada. “A interrupção voluntária da gravidez não deve ser tratada como um instrumento de controle da natalidade, mas um direito da mulher a tomar decisões sobre seu corpo” defendeu o parlamentar carioca. Ainda segundo Wyllys “a sua legalização deve ser encarada como uma decisão politica de acabar com a morte de milhares de mulheres pobres que recorrem a cada ano ao aborto clandestino pela omissão do Estado” afirmou.

Legalização do aborto 2

                   No texto que faz parte do projeto de lei, o médico tem o direito de se recusar a realizar o procedimento de acordo com sua consciência. No entanto, o profissional não pode se recusar caso haja risco para a mulher ou em um contexto de urgência. Na justificativa, o deputado do PSOL, afirma que não há motivo “para que o aborto seguro seja ilegal e as mulheres que o praticam, bem como aqueles e aquelas que assistem, sejam considerados criminosos ou criminosas (...). O único motivo para isso é a vontade de uma parcela do sistema político e das instituições religiosas de impor pela força suas crenças e preceitos morais ao conjunto da população, ferindo a laicidade do Estado”.

Legalização do aborto 3                                                                       

                   O projeto de Jean Wyllys determina ainda que o MEC deverá incluir no sistema educacional, tópicos de educação reprodutiva, como métodos contraceptivos e prevenção DST-HIV, abusos sexuais, e gravidez indesejada. O texto determina também que a mulher que optar pelo aborto receberá informações acerca dos métodos de interrupção da gravidez, os serviços de saúde para a gestação e parto, e seus direitos trabalhistas vinculados à gravidez, por exemplo. Depois o aborto deverá ser realizado em três dias. Estima-se que são realizados no Brasil anualmente, entre 729 mil a 1 milhão de abortos inseguros, com uma alta taxa de mortalidade maternal.

 

Comércio eletrônico

                   Apesar da retração da economia brasileira, a plataforma de pagamento PayPal prevê que o volume transacionado no comércio eletrônico brasileiro chegue na R$ 81,3 bilhões agora em 2015, um crescimento de 17% em relação a 2014. O número representa não só as vendas das lojas virtuais brasileiras, mas inclui as contas feitas em lojas estrangeiras. Isso explica porque a previsão da PayPal é maior que a feita pela consultoria E-bit, empresa referência no mercado, e que esta prevendo um faturamento no e-commerce nacional na ordem de R$ 43 bilhões. O ritmo de expansão deverá se manter até 2016, quando se espera que o comércio eletrônico chegando a R$ 92,9 bilhões. A empresa que forma o braço de serviço de pagamento do grupo eBay gerou receita global de US$ 7,9 bilhões em 2014, o que representa uma expansão de 19% sobre o ano anterior. O faturamento do PayPal representou 44% das receitas do eBay Inc. no ano passado. No Brasil o PayPal, que começou a atuar em Setembro de 2013, tem atualmente 3 milhões de contas ativas, 200 mil a mais do que em Novembro de 2014. Desse total, 90 mil são comerciantes que usam seu serviço, sendo mais da metade formado por pequenos e médios empreendedores, sendo a maioria no varejo eletrônico no Brasil. Os números mostram que o comércio eletrônico no país é formado por 450 mil sites dedicados ao e-commerce, a maior parte com base em São Paulo.

 

 Liquida Geral Maceió

                   A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) confirmou para o próximo mês de Abril a realização da 12ª edição da promoção Liquida Geral Maceió, com o comércio da capital proporcionando descontos aos consumidores e ao mesmo tempo possibilitando a participação em sorteios com diversos prêmios. A promoção terá a duração de 10 dias, período no qual os consumidores participantes terão descontos especiais, prazos mais dilatados de pagamento, e concorrendo a prêmios como dois carros, 18 geladeiras e 18 televisores de 32 polegadas. Cada compra no valor de R$ 30 dá direito a um cupom.

Liquida Geral Maceió 2

                   A promoção que envolve o comércio da capital chega á sua 12ª edição estimando um faturamento de 10 a 12% acima dos resultados obtidos na promoção passada. Desde o seu lançamento, a ação já movimentou mais de R$ 30 milhões no comércio da capital. Nesta ano, a promoção conta com o apoio do Governo do Estado, da Prefeitura de Maceió, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, CEF, Sebrae e diversos patrocinadores. Farão parte da campanha, lojas e galerias do centro de Maceió, Hiper Farol e os três maiores shoppings da cidade. A Câmara de Dirigentes Lojistas também realiza capacitações para profissionais das lojas participantes, garantindo um padrão de atendimento de alto nível.

Escapou por pouco

                   Uma mulher de origem alemã, e que esteve por 23 anos no corredor da morte, foi inocentada na última semana, e se tornou a 151ª pessoa nos Estados Unidos a ser declarada inocente após ser condenada á pena capital nas últimas quatro décadas. Debra Milke, 51 anos sempre se disse inocente da morte do filho de 4 anos, em 1990, no Arizona. Sua condenação já havia sido anulada há dois anos por um tribunal de apelações, devido à conduta “escandalosa” do principal investigador e dos promotores. Esta semana, a juíza Rosa Mroz, pronunciou sua decisão, depois de negar o último recurso da promotoria, apresentado no Supremo Tribunal do Arizona.

 

 

  • Mais uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) foi instalada na Câmara dos Deputados, desta feira para investigar a máfia de órteses e próteses no Brasil.
  • Composta por 26 membros titulares e mesmo número de suplentes, a CPI tem 120 dias de prazo para concluir os trabalhos. O objetivo é investigar a fundo a cartelização na fixação de preços na distribuição de órteses e próteses, além de esclarecer o relacionamento dos serviços médicos e os interesses privados do setor.
  • O deputado Geraldo Resende (PMDB-MS) foi eleito presidente do colegiado, e indicou o deputado André Fufuca (PEN-MA) para a relatoria.
  • O relator anunciou que pretende ouvir todos os envolvidos nas denúncias da máfia, divulgados pela imprensa no ano passado.
  • A Comissão deverá visitar os estados onde existem CPIs investigando as denúncias, de modo a coletar dados e mais subsídios para as investigações.

 

28/03/2015 00:58

                   O Ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, reafirmou esta semana que o governo não tem um projeto pronto de regulação dos meios de comunicação, mas que pretende abrir um amplo debate sobre o tema. A restrição à propriedade dos meios de comunicação e outras mudanças nas regras atuais, têm gerado polêmica desde que Berzoini assumiu o cargo em Janeiro último. Ele garante que não existe proposta ideológica sobre o assunto e tudo será fruto do diálogo. Ele garantiu que o governo não vai apresentar nenhuma proposta neste momento.

Regulação da mídia 2

                   O ministro anunciou a criação de um grupo de trabalho para tentar desburocratizar o processo para outorga e renovação de concessões de rádio e televisão. “Precisamos reorganizar todo o procedimento, inclusive a tramitação no Congresso. Algumas etapas precisam ser simplificadas e vamos dialogar com os parlamentares para isso” declarou. Ricardo Berzoini defendeu ainda que o Brasil precisa planejar sua infraestrutura de comunicações para garantir um serviço de qualidade, acessível e com custo razoável. Anunciou ainda que o Brasil esta em fase final de contratação de empresas para levar um cabo de dados direto entre o Brasil e a Europa, sem passar pelos Estados Unidos.

Reajuste dos medicamentos

                   Os medicamentos com preço controlado deverão sofrer um reajuste médio entre 5,40% e 5,90% a partir da próxima terça feira, 31 de Março. O índice foi calculado pela indústria farmacêutica a partir dos fatores da fórmula de reajuste publicados no Diário Oficial da União, pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED). O aumento deverá atingir cerca de 19 mil apresentações de medicamentos e o percentual oficial deve sair até o dia 31. Em Fevereiro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Ministério da Saúde anunciaram novos critérios para adequar o índice de aumento ao mercado farmacêutico, que deverá ficar abaixo no índice de inflação e menor que o anterior. A indústria considerou que os índices previstos são insuficientes para repor os custos da indústria farmacêutica nos últimos anos. O cálculo é que houve uma desvalorização de 27% do real nos últimos 12 meses, o que impacta nos custos de produção. Para a indústria, entre 2008 e 2014 para um reajuste de preços dos medicamentos acumulado de 33.19%, a inflação geral acumulada atingiu 47,25%, enquanto que os aumentos de salário concedidos pelo setor somaram 62,02%. Por ser um setor impedido de repor os custos e penaliza os ganhos de produtividade, a indústria quer uma revisão do modelo de regulação do mercado farmacêutico.

 

Carro sem motorista

                   Aquilo que antes era apenas um delírio futurista parece estar próximo da realidade. A montadora de veículos Volvo, anunciou que pretende entregar, a partir de 2017, seus primeiros veículos autônomos para testes a cem clientes em Gotemburgo (Suécia). Em 2018, segundo o plano da montadora sueca, esse sistema de direção que prescinde do piloto humano, estará disponível ao público em vários modelos, ao custo estimado de 2 mil euros (R$ 6.920,00). Já a Mercedes-Benz diz testar versões sem piloto em alguns modelos, na Califórnia (EUA) e acredita que poderá chegar ao mercado em 2020.

Carro sem motorista 2

                   A japonesa Nissan vem trabalhando em parceria com a Nasa (Agência Espacial Americana) no carro sem piloto, e também prevê para 2020 a chegada ao mercado do carro dos sonhos de quem não gosta de dirigir. A montadora alemã Audi garante já ter realizado uma viagem de 900 quilômetros, com um modelo adaptado. E até o Google está na briga, criando, com uma firma de engenharia, um protótipo de veículo sem pedais e sem volante, em testes nos EUA. E a previsão é também de chegar ao mercado em 2020.

Carro sem motorista 3

                   Cada marca tem um sistema de carro autônomo, mas todos funcionam de forma semelhante, que consiste em uma combinação de radares e câmeras que analisam o que ocorre em volta do veículo. Os softwares obtêm dados dos sensores, interpretam e calculam, no fim das contas, quantos graus o volante deve virar e qual será a pressão aplicada no freio e no acelerador a cada momento. Cada montadora tem os seus segredos nos programas desenvolvidos. No Brasil a utilização do carro autônomo deve durar um pouco mais, tendo em vista a infraestrutura de trânsito, que é muito deficiente e não fornece as informações necessárias aos sensores dos veículos.

Prorrogação de concursos

                   O governador de Alagoas Renan Filho anunciou que vai prorrogar os prazos para todos os concursos públicos de Alagoas e que ainda estão em aberto. Essa é a maneira do Estado garantir a eventual nomeação dos aprovados nesses concursos, porém sem passar por cima de qualquer tipo de impedimento legal. Ele explicou que a contratação no momento é impossível, devido à situação do estado diante da lei de Responsabilidade Fiscal.

 

 

  • Projeto de lei que torna crime hediondo e homicídio qualificado assassinar policial, bombeiro militar, agentes penitenciários e integrantes das Forças Armadas e da Força Nacional, quando estiverem em serviço, foi aprovado pela Câmara dos Deputados.
  • O projeto prevê ainda que o agravamento da pena se estende em caso de assassinato do cônjuge, companheiro ou parente até o terceiro grau do agente público de segurança.
  • O projeto aprovado pelos deputados altera o Código Penal e a Lei de Crimes Hediondos e estabelece que a lesão corporal cometida contra agentes de segurança em serviço e seus parentes será aumentada de um terço a dois terços.
  • Como o projeto é originário do Senado, ele agora vai retornar para uma nova apreciação dos senadores por ter sido modificado pelos deputados.
  • São classificados atualmente como crimes hediondos, o genocídio, a tortura, o estupro, o latrocínio e o sequestro, entre outros. Esses delitos não recebem indulto, anistia ou graça e não podem ser objeto de fiança.