Blogs | Blog do Dresch - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2014

19/08/2014 23:55

                  Alagoas vai ganhar em breve, mais três centros de convenções, em cidades de grande apelo turístico, como Barra de São Miguel, Penedo e Maragogi. O anúncio foi feito ontem pelo Ministro do Turismo, o alagoano Vinicius Lages, durante lançamento oficial do equipamento na Vila Niquim, na Barra de São Miguel. No total serão investidos pelo Ministério cerca de R$ 20 milhões, o que permitirá a abertura de um novo patamar em termos de turismo de negócios e de ampliação do turismo de lazer. Lages também aproveitou sua estadia em Alagoas para anunciar a recuperação e urbanização da orla do município de Paripueira.

 

Lavagem de dinheiro

                   Nos últimos sete anos estima-se que R$ 21,4 bilhões possam ter sido desviados, segundo investigações realizadas pela Rede Nacional de Laboratórios Contra a Lavagem de Dinheiro (Rede-Lab), orgão vinculado ao Ministério da Justiça. Os números correspondem ao período de 2007 a Julho deste ano, e foram anunciados em um seminário que discute os casos analisados. No período, foram analisados 2.196 casos que apuravam lavagem de dinheiro e corrupção, além de crimes contra a administração pública. A Rede-Lab é formada por Laboratórios de Tecnologia contra a Lavagem de Dinheiro (Lab-LD), unidades que utilizam alta tecnologia para análise de dados financeiros, visando auxiliar as investigações na busca por recuperar os ativos ilícitos. A coordenação da Rede-Lab é feita pelo Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação, vinculado à Secretaria Nacional de Justiça do Ministério. O secretário Nacional de Justiça, Paulo Abrão, destacou o conjunto de casos de sucesso no combate à corrupção, ao abrir o seminário que discutiu os resultados obtidos. A Rede-Lab iniciou suas atividades contra a lavagem de dinheiro em 2006, e conta com 25 laboratórios em funcionamento e 18 em fase de instalação pelo país. Para o funcionamento dos novos laboratórios, foram investidos R$ 42,6 bilhões pelo Ministério da Justiça. Os laboratórios estão instalados em ministérios públicos estaduais, policias civis, Polícia Federal, Ministério Público Federal e Receita Federal.


Público do Brasileirão

                   Entre os muitos legados deixados pela Copa do Mundo, a presença do público nos jogos do Campeonato Brasileiro é um dos mais visíveis. Seja por curiosidade em conhecer os novos estádios, pelo conforto proporcionado pelas arenas e até pelo aquecimento no interesse pelo futebol devido á grande exposição decorrente, a Copa alavancou a presença dos torcedores. A média de público nas seis rodadas do Brasileirão após a Copa foi 36% maior do que nas nove anteriores ao torneio. Cada um dos primeiros 90 jogos da Série A de 2014 atraiu pouco mais de 12 mil pagantes por jogo. Nas 60 partidas a partir de Julho, a média se aproxima de 17 mil. A 15ª rodada, disputada no final de semana passado, teve um público total de 188.033 pagantes.

Público do Brasileirão 2

                   No último fim de semana, três jogos tiveram público superior a 25 mil pessoas e aconteceram em estádios construídos para a Copa: Cruzeiro e Santos na Arena de Belo Horizonte (quase 40 mil); Corinthians e Bahia no Itaquerão (mais de 30 mil) e Botafogo e Fluminense na Arena Mané Garrincha em Brasília com quase 30 mil. Não é a toa que cinco das seis arenas com as maiores médias de público são as que foram construídas ou reformuladas para a Copa. A exceção é o Morumbi, segundo colocado na lista. Mas é fácil compreender: O São Paulo vende ingressos a partir de R$ 5 e repatriou Kaká.

Projetos estruturantes

                   Durante dois dias (18 e 19) técnicos do Banco Mundial (BIRD) estiveram reunidos com representantes de secretarias estaduais, para definir a aplicação do empréstimo de US$ 150 milhões em projetos estruturantes de Alagoas. No primeiro dia participaram as secretarias de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, Fazenda, Educação, Saúde e Assistência e Desenvolvimento Social. Ontem foram as secretarias de Agricultura e Desenvolvimento Agrário, Trabalho, Emprego e Qualificação Profissional. Esta nova etapa de negociações visa reavaliar as ações, em virtude da mudança da modalidade do projeto.

As mortes do trânsito

                   Em dez anos, os acidentes de trânsito mataram mais de 536 mil pessoas no Brasil, segundo pesquisa do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. A principal base de dados utilizada foi o Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores (Dpvat). O levantamento teve inicio em 2003 ano em que foram registradas 34,7 mil mortes no trânsito, e constata um crescimento de quase 100% até 2007, quando se chegou a 66,8 mil mortes. O número de vitimas fatais oscila até 2013, quando as mortes chegam a 60,7 mil.

As mortes do trânsito 2

                   O banco de dados do Dpvat mostra ainda um número de quase 2 milhões de feridos nos acidentes, chegando ao pico de 447 mil no ano de 2012. Com dados levantados junto ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) é possível estimar que nos dez anos citados foram registrados 13 milhões de acidentes, sendo 8,1 milhões sem vitimas. O estudo estima ainda que o prejuízo que as mortes causam por perda da força de trabalho, cuidados médicos, manutenção de estradas e outros ônus, possa alcançar R$ 232,9 mil por morte na área urbana, crescendo para R$ 576,2 mil nas rodovias. Como é difícil definir a área onde todos os acidentes ocorreram, a média calculada é de R$ 500 bilhões (R$ 236 bilhões em acidentes urbanos e R$ 772 bilhões nas rodovias).

 

  • A Cia. Teatro da Meia-Noite comemora neste ano, 13 de existência e de sobrevida nos palcos alagoanos, com uma vasta experiência de espetáculos premiados e reconhecidos pelo público.
  • E nesta quinta feira, estará mais uma vez no tradicional Teatro Sérgio Cardoso, participando do Projeto Quinta no Arena, que comemora sua décima edição.
  • Agora, o espetáculo encenado é “Marina-Uma história de cordel”, uma tragicomédia contemporânea, inspirada no Movimento Armorial.
  • Entre as encenações mais conhecidas e premiadas da Cia. Teatro da Meia-Noite estão “Barca do Inferno”, “Insônia” e a peça infantil “Meu Pé de Fulô”.
  • O elenco é formado por Bethe Miranda, Julien Costa, Rilton Costa, Robertson Costa e Rocheli Messias. A direção é de Waneska Pimentel.
  • O projeto Quinta no Arena tem como diferencial o cômodo horário do espetáculo (19h) e principalmente o valor do ingresso, praticamente simbólico (R$ 10 e R$ 5).

 

18/08/2014 23:03

                   Duas das principais propostas de governo divulgadas pelo ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, e que seriam implantadas caso chegasse á Presidência da República, precisam ser urgentemente referendadas pela sua substituta Marina Silva, ou até mesmo pelos demais candidatos Dilma Rousseff ou Aécio Neves. O fim do Fator Previdenciário é almejado por aposentados de todo o país, prejudicados pela conta que subtrai dos mesmos um benefício melhor em função da idade. E também a concretização do Passe Livre, reivindicação dos estudantes do país manifestada durante os protestos de rua acontecidos em Junho de 2013 em todo o Brasil. Dois compromissos que precisam ser assumidos imediatamente.

 

Na mira do canhão

                   O cineasta Glauber Rocha, um dos expoentes do cinema brasileiro nas décadas de 60 e 70, estava na mira da repressão durante o período da ditadura militar, e escapou da morte, possivelmente porque se exilou. Um dossiê com documentos elaborados pela ditadura militar foi entregue á família de Glauber na semana passada, e eles mostram que o cineasta foi vitima de espionagem e perseguição pelo regime. Produzidos pelo Serviço nacional de Informações (SNI), os documentos compilam atividades do cineasta, declarações dadas aos jornais de fora do país e lista artistas ligados a Glauber e que tambem criticavam o regime, como o também cineasta Luiz Carlos Barreto, apontado como “porta-voz da esquerda cinematográfica nacional”. Os militares consideravam os filmes de Glauber subversivos e, um dos documentos lembra que ele foi preso por ter vaiado o presidente Castelo Branco em 1965, e acusa o diretor de ter “difundido calúnias” ao denunciar a jornais ingleses torturas e perseguições no Brasil pela ditadura. Os documentos foram encontrados pela Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro, no Arquivo Público do Estado do Rio, e entregues à Paloma Rocha, filha de Glauber. Em um dos documentos estava escrito a lápis, na primeira pagina, a palavra “morto”. Este seria um indicativo de que a repressão pretendia fazer com o cineasta. No último dia 10, completou-se 50 anos do lançamento do filme “Deus e o Diabo na Terra do Sol” uma das obras primas de Glauber Rocha.


Seminário Mais Médicos

                   Com a presença do Ministro da Saúde Arthur Chioro, Alagoas sediou ontem o Seminário “Mais Médicos para o Brasil, Mais Saúde para os Brasileiros” que discute os resultados de quase um ano de implantação do programa. O Governo federal, através do Ministério da Saúde esta realizando seminários semelhantes em vários estados fortalecendo o debate com os gestores públicos e com a população diretamente beneficiada com o Programa. O Secretário de Estado da Saúde, Jorge Villas-Bôas participou do Seminário.

Seminário Mais Médicos 2

                   Em Abril deste ano, o governo federal já havia superado a meta estabelecida de levar médicos para todos os municípios que aderiram ao programa. Atualmente, 14 mil profissionais trabalham em 4 mil cidades, sendo que a maioria dos médicos (75%) esta em regiões de grande vulnerabilidade social, como o semiárido nordestino e em outros locais com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) muito baixo. Em Alagoas o Programa Mais Médicos atende 58 municípios com a presença de 186 médicos.

Jovem bilionária

                   Elisabeth Holmes tem apenas 30 anos de idade e uma conta bancária prá lá de interessante. Ela abandonou os estudos de engenharia na Universidade de Stanford para abrir seu próprio negócio, isso aos 19 anos, e dedicou os últimos 11 anos à empresa Theranos, que usa tecnologia para tornar exames de sangue mais eficazes, simples e baratos. O valor de mercado da empresa é de US$ 9 bilhões e a jovem é dona da metade do negócio. Por isso é considerada pela Revista Forbes como a mulher mais jovem da história a se tornar bilionária com o próprio negócio.

Jovem bilionária 2

                   Grande parte dos diagnósticos médicos em todo o mundo se baseia em exames de sangue. Bilhões deles são feitos anualmente só nos Estados Unidos, mas para muita gente são caros e invasivos. Os testes da Theranos são feitos com apenas poucas gotas de sangue, graças á tecnologia utilizada e que é mantida sob sigilo. A empresa firmou parceria com a maior cadeia de drogarias dos EUA, a Walgreen, que passou a ter Centros de Bem-estar Theranos com exames de sangue cujos resultados são entregues em 24 horas via e-mail.

Milionário despreocupado

                   Permanece descansando nos cofres da Caixa Econômica Federal, o prêmio da Mega Sena sorteado no dia 30 de julho e que apresentou um único bilhete no valor de R$ 29 milhões. A aposta foi feita em uma lotérica no bairro Navegantes em Porto Alegre, mas o ganhador ainda não deu as caras por lá. A aposta foi realizada entre os dias 28 a 30 do mês passado, mas ninguém sabe algo sobre o sortudo vencedor. Ele tem um prazo de 90 dias para retirar a premiação, caso não apareça neste período, os R$ 29 milhões serão destinados ao Tesouro Nacional e farão parte do financiamento estudantil (Fies). Na poupança o valor renderia R$ 153 mil mensais, ou R$ 5 mil ao dia.

 

 

  • A já tradicional Mostra Sesc de Produtos Alagoanos, de 21 a 24 deste mês, terá nesta edição um novo formato, unindo sabor e visual, além de talento e criatividade.
  • Antes, a Mostra acontecia em duas edições ao ano, sendo uma voltada para os produtos artesanais e a outra para a gastronomia alagoana. Agora, as duas atrações estão juntas.
  • Os visitantes poderão apreciar as mais diversas variedades artesanais como peças variadas de crochê e tenerife, brinquedos e objetos de madeira, máscaras de coqueiro e produtos de palha de Ouricuri, quadros de lã, bonecas de pano, jangadas em coco, entalhe em madeira e muito mais.
  • Na Praça de Alimentação, montada nas proximidades dos estandes do artesanato, os visitantes poderão provar a adquirir doces em calda, tortas doces e salgadas, suspiros, sucos naturais, acarajé, cachaça, licores, biscoitos, mungunzá e muito mais.
  • A Mostra Sesc de Produtos Alagoanos acontecerá nos dias 21 a 24 das 14h às 19h, no dia 23 das 10h às 20h e o encerramento no dia 24.

 

16/08/2014 22:22

                   Com mais de 60 filmes no currículo, seis décadas de carreira e com 79 anos de idade, o ator Flávio Migliaccio, recebeu esta semana o reconhecimento do cinema brasileiro. Ele foi homenageado no Festival de Gramado e recebeu o troféu Oscarito, que foi, aliás, seu grande ídolo e em quem se espelhou para ser um dos maiores atores do Brasil. “Quando tinha 10 anos e estava no grupo escolar, me perguntaram o que eu queria ser e eu disse que queria ser o Oscarito. Não consegui ser o Oscarito, mas tenho a mesma profissão que ele e hoje ganho um troféu com seu nome. Isso é uma coisa mágica, e isso basta” disse Migliaccio ao receber o prêmio.

Reconhecimento brasileiro 2

                   Flávio Migliaccio sempre trabalhou com vários gêneros de interpretação, mas nunca escondeu que seu gosto é maior com a comédia e o drama. Disse que ele adquiriu isso graças ao cinema italiano, o seu preferido, porque sempre misturava os estilos. Sua veia cômica vem do ambiente familiar. “Minha mãe teve 17 filhos e se a gente não brincasse com a situação não ia aguentar. Meu pai brincava mesmo quando a gente sentia fome” afirmou. Sobre a carreira, ele disse discordar do “endeusamento” do artista. “O ator é um trabalhador como outro qualquer. Gosto de fazer as pessoas rirem. Mas faço isso porque é o que faço de melhor” afirmou o ator em Gramado.

 

Cultivo transgênico

                   O cultivo de produtos transgênicos deverá crescer consideravelmente nesta safra, segundo estimativas feitas por consultorias específicas. A área cultivada com soja, milho e algodão transgênicos deverá aumentar 3,9% em 2014/2015, em relação à temporada anterior, chegando a ocupar 42,2 milhões de hectares, com ganhos de produtividade bastante atraentes. Se somadas as três culturas, a taxa de adoção da tecnologia transgênica atinge 89,2%, à medida que agricultores buscam produtos resistentes a insetos e tolerantes a herbicidas, divulgou a consultora Céleres, na primeira estimativa para esta safra. Sementes transgênicas de soja deverão cobrir uma área de 29,1 milhões de hectares, um aumento de 6,1% ante o ciclo anterior. A área plantada no Brasil com o produto geneticamente modificado será a mais de 93%. A tecnologia mais utilizada é a que contém genes combinados, resistentes a insetos e tolerantes a herbicidas. No caso do milho verão, segundo a Céleres a queda deverá ser de 2,3% e no caso da safra de inverno, o percentual de área cultivada com sementes transgênicas deve ficar estável. Ainda assim, a área com milho geneticamente modificado, será de 12,5 milhões de hectares, com taxa de adoção de 82,4%. Já para a taxa de adoção de transgênicos para o algodão será mantida em 65% do total da safra, cujo plantio vai recuar 18% na próxima temporada em função dos baixos preços do mercado interno.

 

 

Os mais visitados

                   França, Estados Unidos e Espanha foram os países mais visitados no mundo em 2013, segundo o Ministério da Economia da França. O relatório foi elaborado com base em dados da Organização Mundial do Turismo (OMT) que destacou a posição francesa que recebeu 84,7 milhões de visitantes no ano passado (2% a mais que no ano anterior). Na segunda posição aparece os Estados Unidos com 69,8 milhões de turistas (em 2012 foram 67 milhões) e logo depois a Espanha, que superou a China e recebeu 60,7 milhões de turistas estrangeiros.

Os mais visitados 2

                   Em termos continentais, a Europa se consolidou como a região de maior numero de visitantes estrangeiros em 2013, chegando a 563 milhões de pessoas, 29 milhões a mais que em 2012. Um ponto importante é que a crise econômica que se abateu em vários países europeus mostrou que muitos turistas procuraram destinos mais próximos de seus países. Em nível global, o ano de 2013 fechou com um total de 1.087 bilhão de turistas internacionais, um número 5% acima do obtido em 2012, 1.035 bilhão, segundo dados da OMT que prevê um crescimento entre 4% e 4,5% para 2014.

Contra o colesterol

                   Conseguir controlar o colesterol apenas com uma injeção mensal. Esse o objetivo de um estudo a ser realizado em 22 mil voluntários em todo o mundo, inclusive no Brasil, onde mil voluntários do Rio de janeiro farão parte. Os participantes do estudo Fourier precisam ter mais de 40 anos, usar remédios para o colesterol e já ter sofrido infarto ou AVC, ou mesmo trombose. O estudo busca a criação de uma vacina, que tenha os mesmos benefícios dos remédios usados atualmente, mas sem os efeitos colaterais mais comuns como náusea e dor muscular. Numa fase anterior do estudo, outras mil pessoas receberam a vacina e tiveram redução de 65% do LDL (colesterol ruim) e aumento de 20% do HDL (colesterol bom).

Contra o colesterol 2

                   Os estudos serão realizados até Dezembro, e depois os resultados serão analisados por um instituto norte-americano e publicados em revistas científicas. Depois disso a vacina será submetida à análise das agências reguladoras para então chegar às farmácias. A vacina deverá estar disponível em dois anos. A vacina reduz o ateroma – placas de gordura que impedem a passagem do sangue pelas artérias – e aumentam a absorção do colesterol ruim pelo fígado. Mas para baixar o colesterol, também é fundamental ter boa alimentação e fazer exercícios físicos.

 

 

  • Começa nesta segunda feira, o 2º Congresso Acadêmico Integrado de Inovação e Tecnologia (Caiite) que vai reunir milhares de universitários, professores, alunos do ensino médio e a população em geral.
  • O evento é o resultado de uma parceria que envolve a Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Instituto Federal de Alagoas (Ifal), Universidade da Ciência da Saúde de Alagoas (Uncisal), Centro de Estudos Superiores de Maceió (Cesmac), Faculdade Integrada Tiradentes (Fits) e Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas (Fapeal).
  • O Congresso acontece até o dia 23, sempre das 9h ás 22h, no Centro de Convenções de Maceió.
  • Os temas são os mais diversos. Educação, saúde, sustentabilidade, música, história, geografia, literatura, economia, tecnologia, cultura e esportes estão relacionados.
  • Além dos temas centrais relacionados acima e debatidos em mesas redondas, palestras, minicursos, rodas de conversa, conferências e oficinas, outros assuntos podem fazer parte da pauta.

 

15/08/2014 23:34

                   Mais do que a fama alcançada no chamado “Circo da Fórmula 1”, os salários pagos aos pilotos estão no patamar mais alto dos grandes ídolos do esporte. Nesta semana foi divulgada uma lista com os salários pagos na Fórmula 1, e neste ranking os pilotos da Ferrari são imbatíveis. Já o brasileiro Felipe Massa, da Williams, esta em sétimo lugar com um salário de US$ 5,3 milhões por ano, algo como R$ 12 milhões. Segundo o Business Book GP, Fernando Alonso e Kimi Raikkonem, da Ferrari e Sebastian Vettel, da Red Bull têm salários de US$ 29,4 milhões cada (quase R$ 67 milhões/ano).

Salários da velocidade 2

                   Eis a lista completa: Fernando Alonso, Kimi Raikkonem e Sebastian Vettel (US$ 29,4 milhões cada), Lewis Hamilton (US$ 26,7 milhões), Jenson Button (US$ 21,4 milhões), Nico Rosberg (US$ 16 milhões), Felipe Massa (US$ 5,3 milhões), Nico Hulkemberg (US$ 5,3 milhões), Romain Grosjean (US$ 4 milhões), Pastor Maldonado (US$ 4 milhões), Sergio Perez (US$ 4 milhões), Adrian Sutil (US$ 2,7 milhões), Kevin Magnussen (US$ 1,7 milhão), Valterri Bottas (US$ 1,7 milhão), Daniel Ricciardo (US$ 1 milhão), Jean-Eric Verne (US$ 1 milhão), Jules Bianchi (US$ 666 mil), Steban Gutierrez (US$ 534 mil), Danill Kvyat (US$ 334 mil), Max Chilton (US$ 267 mil), Marcus Ericson (US$ 200 mil) e Kamul Kobayashi (US$ 200 mil).

 

O inicio do ebola

                   O surto epidêmico causado pelo vírus ebola na África, tem concentrado os esforços da Organização Mundial de Saúde (OMS) nos últimos meses. E para poder enfrentar a doença é importante buscar o histórico do vírus com o ser humano. Um recente relatório elaborado por pesquisadores ingleses explica que o surto pode ter começado com uma criança de dois anos, habitante de uma aldeia da Guiné. Há oito meses, a criança que os pesquisadores acreditam ser o “paciente zero”, apresentou febre, fezes escuras e vômito. Em 6 de Dezembro de 2013, apenas quatro dias após manifestar os sintomas, ela morreu, segundo o relatório. Os cientistas, no entanto não sabem ao certo como ela contraiu o vírus. O ebola é transmitido de animais para humanos através de fluídos como sangue, saliva, urina e outras secreções, ou por tecidos infectados. Na África a infecção tem sido registrada através do contato com chipanzés, gorilas e morcegos que se alimentam de frutas, macacos, antílopes e porcos-espinho, sendo que os cientistas acreditam que os morcegos sejam os “hóspedes naturais” do vírus. Os mesmos cientistas que elaboraram o relatório revelaram que o ebola foi transmitido em cadeia dentro da família. Após a morte da criança, a mãe apresentou sangramento e morreu poucos dias depois. Em seguida a irmã de três anos apresentou um quadro de febre, diarreia e vômito. A doença afetou ainda a vó da criança que morreu em 1º de Janeiro. O ebola então se espalhou para outras regiões após dezenas de pessoas terem participado do funeral da avó.

 

Lei da Informática

                   Os incentivos fiscais para o segmento da informática foram prorrogados por mais dez anos, segundo publicação da lei no Diário Oficial da União. Assim, a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para o setor e percentuais mínimos de investimentos em pesquisa valem agora até 2029. A indústria da Informática terá redução de 80% do IPI até 2024, de 75% até 2026, e de 70% até 2029. A lei também obriga as empresas do setor a investir, pelo menos 5% do faturamento bruto em pesquisas para o desenvolvimento da área.

Lei de Informática 2

                   Para os bens e serviços de informática produzidos nas regiões da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), a redução do IPI será de 95% até 2024. Em 2025 e 2026, a redução passará a ser de 90%; e de 2027 a 2029 a redução chegará a 85% do imposto. As áreas de livre comércio da Região Norte terão isenção tributária até 2050. Para a Zona Franca de Manaus, os benefícios tributários foram prorrogados até 2073, por uma proposta de emenda à Constituição promulgada pelo Congresso na semana passada.

Novas motolâncias

                   Alagoas ganhou ontem mais quatro novas motolâncias que serão utilizadas no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para atender pacientes mais rapidamente, principalmente vitimas do trânsito. Os veículos foram entregues pelo governador Teotonio Vilela Filho e pelo Secretário de Saúde Jorge Villas-Bôas. Desde que foi criado, em janeiro de 2013 até Julho deste ano, o serviço de Motolância já realizou 633 atendimentos, utilizando apenas duas viaturas.

Novas motolâncias 2

                   A principal vantagem da utilização deste serviço através desta viatura, é que o motosocorrista chega ao local do acidente antes da ambulância, e o paciente é estabilizado clinicamente e suas chances de sobrevivência aumentam consideravelmente. As motolâncias possuem equipamentos semelhantes a uma USB, além de dispor do medicamento necessário para o atendimento clinico ao paciente, e com orientação do médico regulador que fica na base do Samu. Todos os motosocorristas participaram de treinamentos específicos para realizar o atendimento.

 

 

  • Aparelhos celulares, de informática e eletrônicos roubados da fábrica da Samsung em Campinas há pouco mais de um mês, foram encontrados na última quinta feira no Paraguai, segundo a Polícia Civil.
  • Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Campinas, em parceria com policiais paraguaios, encontraram parte dos equipamentos em quatro estabelecimentos em Ciudad Del Este.
  • Não foi divulgado o número de produtos encontrados nem o valor recuperado, mas a polícia anunciou que vai prosseguir com a operação.
  • A fábrica da Samsung foi assaltada na madrugada de 7 de Julho, por uma quadrilha especializada no roubo de cargas.
  • Os ladrões invadiram a fábrica, fizeram os funcionários reféns e roubaram R$ 20 milhões em equipamentos eletrônicos como celulares, notebooks e tablets. Inicialmente o valor divulgado era de R$ 80 milhões.
  • Os criminosos encheram sete carretas com mais de 34 mil equipamentos eletrônicos. Até agora, ninguém foi preso e nenhum objeto havia sido recuperado.

 

14/08/2014 23:32

                   O Ministro da Saúde, Arthur Chioro, manifestou a sua opinião a respeito dos primeiros resultados do acordo voluntário do ministério com a indústria para a redução do sódio em alimentos. Segundo ele, o objetivo da iniciativa não é banir o sal, mas evitar o consumo em excesso. “O sódio faz parte dos nossos hábitos alimentares e é um importante componente na nossa saúde. O grande problema é o excesso, por isso não se trata de banir o sal da nossa alimentação, mas de fazer com que tenhamos uma diminuição tanto nos produtos industrializados quanto aqueles nos quais adicionamos sal no dia a dia”.

O sal em excesso 2

                   Dados do Ministério da Saúde mostram que no período 2011-2012, foram reduzidas 1.295 toneladas de sódio em três alimentos: pão de forma, bisnaguinhas e macarrão instantâneo. O brasileiro consome em média 12mg de sódio ao dia, enquanto que o recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) não ultrapasse cinco gramas. Para o ministro Chioro, apenas 15% da população sabem que consomem sal acima da quantidade permitida, a maior parte da população brasileira considera que a quantidade de sal que consome não é prejudicial à saúde.

 

Os “quebra ossos”

                   O consumo elevado de refrigerantes e de café eleva o risco de fraturas ósseas. Esse é o resultado de um estudo realizado pela Universidade Estadual de Campinas (SP), que cita a cafeína, presente nos dois produtos, como causador dos problemas. Os energéticos não foram estudados, mas produziriam o mesmo efeito, uma vez que também possuem taxas altas de cafeína. Ela age no corpo estimulando a formação dos osteoclastos, células que diminuem a resistência óssea e causa danos maiores nas mulheres, uma vez que a combinação da cafeína dos os hormônios femininos, especialmente o estrogênio, acelera a produção de osteoclastos. Com a sua estrutura óssea naturalmente enfraquecida, os idosos também devem tomar cuidado com o consumo da cafeína. Os cientistas deixaram claro que o café e os refrigerantes á base de cola deveriam ser retirados do cardápio para evitar maiores problemas na estrutura óssea. Citada no estudo, a Coca-Cola rebateu o resultado, garantindo que agências reguladoras em todo o mundo consideram seguro o uso da cafeína em alimentos. Por sua vez, a Associação Brasileira da Indústria do Café, disse que outros estudos científicos negam a influência da bebida na perda da resistência óssea. Para quem não quiser abrir mão do seu cafezinho diário, o ideal é que faça a reposição de cálcio no organismo com a ingestão diária de leite e derivados, como queijo e iogurte. Estes agem de forma contrária ao café e refrigerantes.

 

 

Novos investimentos

                   Mais três empresas foram beneficiadas com incentivos fiscais, creditícios e locacionais pelo Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social (Conedes). Juntas elas vão investir mais de R$ 3,5 milhões em Alagoas e vão gerar mais de 100 empregos diretos e indiretos. O maior investimento é da Fortemix Concreto que vai aplicar R$ 2 milhões na sua unidade, a ser construída em uma área de 10 mil m2, onde vai fabricar concreto industrializado e artefatos de concreto pré-moldado para uso na indústria da construção.

Novos investimentos 2

                   Outro empreendimento beneficiado é a indústria de alimentos Asa Branca, que vai investir R$ 1 milhão na ampliação na sua capacidade industrial podendo chegar a produzir 150 mil produtos por ano. A expansão permitirá o atendimento ao mercado de conservas de peixes, moluscos, crustáceos e carnes. Também a empresa Casa Forte vai ampliar a comercialização e comercialização de produtos como massa de concreto, argamassa para construção, tintas vernizes e esmaltes. O objetivo é atender o me5rcado nos estados de Pernambuco, Paraíba e Sergipe.

Educação integral

                   O cadastramento das escolas públicas ao Programa Mais Educação pode ser feito até o próximo dia 30. A adesão ao programa estabelece que a escola passe a atuar em tempo integral, funcionando em sete horas diárias, ou 35 horas semanais. No período em que os estudantes estiverem na escola eles receberão três refeições. As escolas escolhem até cinco atividades nos macrocampos do programa, entre eles o de acompanhamento pedagógico, que é obrigatório, além de educação ambiental, esporte e lazer, direitos humanos em educação, cultura e artes, cultura digital, promoção da saúde, comunicação e uso de mídias, estudo no campo das ciências da natureza e educação econômica.

Educação integral 2

                   De acordo com o Ministério da Educação, ao oferecer educação integral ou jornada ampliada, as redes públicas de ensino contribuem para qualificar o aprendizado das crianças, adolescentes e jovens, reduzir a repetência e também a evasão escolar. Atualmente 49 mil escolas participam do programa, e a meta é chegar a 60 mil. A oferta da educação integral também faz parte do Plano nacional de Educação, que estabelece as metas educacionais do país para os próximos dez anos. A educação integral alcança hoje 30% das escolas públicas, mas a meta é atingir 50%.

 

 

  • Representantes do “trade” turístico alagoano participam hoje, em Ribeirão Preto, no interior paulista, de mais um Encontro Nacional das Agências de Viagens.
  • Essa é a 18ª edição do evento que neste ano segue as diretrizes do Ministério do Turismo e adotou o tema “Brasil para Brasileiros”, com forte estímulo para o turismo doméstico.
  • As principais atrações turísticas de Alagoas, assim como o seu artesanato, as manifestações culturais serão apresentadas aos participantes do Encontro.
  • Amanhã, Sábado, a Secretaria de Estado do Turismo em parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hoteis de Alagoas (ABIH-AL), Secretaria de Turismo de Maceió (Semptur) e a Operadora Visual, oferece um almoço para aproximadamente 1.200 profissionais.
  • Além disso, Alagoas também contará com um estande próprio, fazendo a divulgação dos nossos atrativos e com ampla distribuição de folheteria específica.