Blogs | Blog do Dresch - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2016

13/02/2016 07:04

                Um decreto assinado pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) proibindo que prédios públicos recebessem nomes de pessoas vivas, forçou a retirada do nome do ex-presidente José Sarney da fachada de sete escolas estaduais. Ao todo foram 37 escolas que homenageavam pessoas vivas e foram trocados por nomes de professores, políticos, religiosos e poetas que já morreram. A filha de Sarney, a ex-governadora Roseana Sarney, a esposa, Marly Sarney, também foram trocados. Roseana denominava três escolas e Marly, uma. Outro politico ligado a Sarney, o senador Edson Lobão, teve seu nome retirado de quatro locais. Em Alagoas esta lei existe há anos, mas simplesmente é ignorada.

Apenas cumprindo a lei 2

                   Há um ano quando assumiu o governo do Maranhão, Flávio Dino assinou o decreto proibindo que bens públicos recebessem nomes de pessoas vivas ou responsabilizadas por violações aos direitos humanos na ditadura. No caso das pessoas vivas, a medida não era retroativa, de modo que Sarney continuava a dar nome a pelo menos 160 escolas no Maranhão, além de bibliotecas e obras viárias em todo o Estado. Com o decreto também foram apagados os nomes do ex-vice-governador e senador João Castelo, do ex-vice-presidente Marco Maciel e ex-deputado federal Magno Bacelar e ainda do poeta e membro da Academia Brasileira de Letras, Ferreira Gullar.

Guerra contra o mosquito

                   O Brasil realiza hoje a maior operação já deflagrada contra o mosquito Aedes aegypti. Em 350 municípios onde a incidência das doenças por ele transmitidas é maior, agentes de endemias, de saúde, integrantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e mais 220 mil homens das Forças Armadas, visitarão 3 milhões de residências, orientando, explicando e apelando pelo apoio da população. Em Alagoas, quatro municípios terão uma atenção especial: Maceió, Arapiraca, Palmeira dos Índios e Delmiro Gouveia. Nestas cidades mais de mil pessoas formarão o contingente que vai para o “front” intensificar a guerra contra o transmissor da Zika, da dengue e da chicungunya. A operação será aberta ás 8h da manhã, tendo á frente o governador em exercício Luciano Barbosa, com o Ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi e também do ministro da Comunicação Social Edinho Silva. Em Alagoas as Forças Armadas utilizarão 630 integrantes, que juntamente com os demais integrantes da Força Tarefa, visitarão domicílios e estarão nos pontos de maior aglomeração urbana como shoppings, supermercados e nas principais vias de trânsito. Também haverá movimentação no Aeroporto Campo dos Palmares, no Porto de Maceió e na Rodoviária João Paulo II. As iniciativas que foram desenvolvidas no estado desde o inicio do ano, já acarretaram uma redução de 31% nos casos de dengue, sem nenhum caso do estágio mais grave.

 

Diarreia no sertão

                   Até agora ninguém sabe o que esta causando um verdadeiro “surto” de diarreia em Delmiro Gouveia e outras cidades do sertão alagoano. Entre Janeiro e Fevereiro (até o dia 11) 349 casos haviam sido registrados pelo Hospital Regional Antenor Serpa e pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Delmiro. As pessoas queixam-se de fortes dores estomacais, vômito, diarreia e fraqueza. A Casal, responsável pelo abastecimento de água da cidade, realizou exames no liquido, mas nenhuma anormalidade foi registrada.

O avanço da Linha Expressa

                   A Secretária de Infraestrutura de Alagoas, Aparecida Machado, defende a importância da chamada Linha Expressa para a capital alagoana, já que é a primeira obra de esgotamento sanitário realizada com recursos próprios do Estado. Estão sendo concluídos os trabalhos na Avenida Santos Ferraz, no Poço, com o recapeamento das valas, que garantirá um melhor fluxo dos veículos que por ali transitam. O investimento da Linha Expressa chega a R$ 8,2 milhões e resultará em um reforço de 2.500 metros de tubulação para a antiga rede coletora, cuja capacidade já é menor que a demanda atual. Com a obra será possível conduzir o esgoto que vem da Praça Lions na Pajuçara até a 13 de Maio no Poço e posteriormente até o Emissário Submarino.

O avanço da Linha Expressa 2

                   A estimativa para a conclusão dos trabalhos é para o próximo mês de Abril, segundo a própria Secretária Aparecida. “Até a entrega da obra nossos técnicos fazem o acompanhamento rotineiramente e até agora o avanço já chegou a 79% do total. Esperamos concluir os trabalhos até Abril atendendo desta forma a expectativa principalmente do segmento turístico, que encaminhou o pleito desta obra diretamente ao governador Renan Filho” explicou ela. A obra pretende acabar com as linhas sujas e garantir um sistema de esgotamento sanitário em uma das áreas mais importantes de Maceió.

Carnaval da Tropicália

                   Mal baixou o volume dos atabaques e dos trios elétricos, o governo da Bahia já anunciou o tema do Carnaval de 2017: Será a homenagem pelos 50 anos da Tropicália. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa, dizendo é uma honra para a Bahia ter sido o berço do movimento mais importante dos anos 60 no país. A Tropicália foi um movimento de vanguarda, que mesclou a cultura brasileira com a modernidade na música, na literatura, nas artes. Entre seus expoentes Gilberto Gil, Caetano Veloso, Torquato Neto, Maria Betânia, Gal Costa, Tom Zé, Os Mutantes e vários outros.

 

  • O numero de recuperações judiciais registradas no país no ano passado, foi a maior dos últimos dez anos, segundo dados divulgados pela Serasa Experiam.
  • Ao todo foram 1.287 recuperações judiciais requeridas em 2015, 55% a mais que em 2014 quando foram registradas 828 solicitações,
  • O setor de serviços foi o que mais apresentou recuperações requeridas em 2015, com 480 pedidos, seguido pelo comércio com 404, e da indústria com 359. O setor primário registrou 44 pedidos.
  • A recessão da economia, os custos de crédito elevados e alta acumulada do dólar no ano, impõem dificuldades às empresas, seja pela dificuldade de caixa ou pela elevação dos custos (juros e dólar).
  • A recuperação judicial é uma medida para evitar a falência de uma empresa. É pedida quando a pessoa jurídica perde a capacidade de pagar suas dívidas.
  • É uma forma encontrada pela empresa em dificuldades, para organizar seus negócios e se recuperar do sufoco financeiro.

12/02/2016 09:47

                   Todos aqueles que vivem do futebol, ou apreciam sua prática, defendem a cada nova temporada a necessidade da elaboração de um planejamento de longo prazo, principalmente na condução da equipe. Mas claro que isso é uma falácia. Três derrotas seguidas colocam a cabeça do treinador na bandeja. Na quarta, a demissão é certa. Mas alguns conseguem superar esta máxima. Atualmente, entre os 20 clubes da série A do Campeonato Brasileiro, Givanildo Oliveira, pernambucano, treinador do América –MG é o que esta há mais tempo no cargo. Ele assumiu em Setembro de 2014 e agora conseguiu levar o clube a primeira divisão, ficando em quarto lugar na série B do ano passado. Tite, campeão pelo Corinthians, assumiu dois meses depois de Givanildo.

Contratos meteóricos 2

                   O técnico pernambucano carrega o status de Rei do Acesso, levando seis clubes a ascender de divisão nos últimos anos. Mas seu contrato com a equipe mineira termina em Dezembro de 2016. Vamos ver se dura até lá. O terceiro treinador com mais tempo de clube é Roger do Grêmio, que assumiu em Maio de 2015. No ano passado, os times que mais trocaram de técnico foram Goiás (Hélio dos Anjos, Julinho Camargo, Arthur Neto, Danny Sérgio e o atual Enderson Moreira) e Flamengo (Vanderley Luxemburgo, Cristóvão Borges, Osvaldo de Oliveira, Jayme de Almeida e agora Muricy Ramalho).

Igrejas discutirão aborto

                   No encontro que ocorreu na quarta feira entre a presidente Dilma Rousseff e representantes de igrejas cristãs, onde se discutiu a participação das correntes religiosas no combate ao mosquito Aedes aegypti, outro assunto foi levantado, mas somente depois da reunião. Alguns líderes defenderam que é preciso debater com a sociedade a descriminalização do aborto em meio à epidemia de Zika. Integrantes do Conselho Nacional das Igrejas Cristãs (Conic), o assunto não foi tratado na reunião com a presidente, porque ainda não há consenso.  Mas muitos defendem o debate urgente, como dom Flavio Irala, presidente do Conic e Bispo da Igreja Anglicana. “Existe uma preocupação com as vidas de todos os envolvidos, mães, bebês e famílias” disse o Bispo, durante a cerimônia oficial do lançamento da Campanha da Fraternidade Ecumênica, que trata sobre o saneamento. Mas é do conhecimento público que as correntes religiosas têm posições antagônicas sobre a questão do aborto. O secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Leonardo Steiner, considera que o abordo favorece a eugenia, uma prática para selecionar pessoas perfeitas, e os grupos pró-legalização do aborto aproveitam a epidemia de Zika para reintroduzir o tema. Para o pastor Joel Zeferino, da Igreja Batista Nazareth “não dá para ignorar o assunto e é preciso emvolver as mulheres nessa discussão”.

 

Por falar em técnico...

                  A imprensa britânica já revelou os salários do novo técnico do Manchester United, o português José Mourinho. E ele será o técnico mais bem pago do planeta. A cada temporada, Mourinho vai embolsar 15,5 milhões de liras (cerca de R$ 88 milhões). Vai ganhar mais que Guardiola, do Manchester City que vai levar 15 milhões de liras (R$ 85 milhões por temporada). Os jornais ingleses garantem que o contrato de Mourinho é por três temporadas, sendo que no final delas ele terá embolsado 46,5 milhões de liras (cerca de R$ 265 milhões).

Carne para a China

                   A China autorizou 17 frigoríficos brasileiros a exportar carne para aquele país asiático. Desse total, cinco são de carne bovina, oito de aves e quatro de suínos. As empresas exportadoras estão localizadas em cinco estados. Em São Paulo estão três frigoríficos de bovinos e um de aves; Em Minas Gerais, dois de bovinos e dois de aves; No Rio Grande do Sul, dois de aves e dois de suínos; no Paraná são três de aves e em Santa Catarina dois de suínos. Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, com as novas habilitações haverá um aumento de US$ 340 milhões nos embarques de carnes para o mercado chinês. O inicio efetivo do envio detendo apenas da negociação entre os frigoríficos e os importadores chineses.

Carne para a China 2

                   As exportações de carne bovina para a China foram retomadas ano passado, com a suspensão de um embargo do país asiático ao Brasil, que durava desde 2012. Em 2015, uma missão brasileira que foi à China, liderada pela ministra da Agricultura Kátia Abreu conseguiu reverter a situação e derrubar o embargo. Com a habilitação destas novas 17 plantas, o Brasil passa a ter 65 frigoríficos autorizados a exportar carne para a China. Desses, 38 são de aves, 16 de bovinos e 11 de suínos. No ano passado o Brasil exportou à China um total de US$ 1,1 bilhão em carnes, sendo US$ 477 milhões em carne bovina, US$ 608 milhões em carne de frango e US$ 10 milhões em carne suína.

Apreensão de aves

                   Militares integrantes do Batalhão de Polícia Ambiental realizaram uma operação no povoado Branca de Atalaia. No município de Atalaia e conseguiram evitar a venda clandestina de mais de quarenta pássaros de diferentes espécies. Foram apreendidos pássaros em processo de extinção e naturais da Mata Atlântica nordestina como Sabiás, Papa Capim, Galo de Campina e Canários da Terra. Os pássaros foram encaminhados á sede do Ibama em Maceió onde passaram por uma triagem de saúde para depois serem libertados em seu habitat natural.

 

  • Alguns programas sociais do governo deverão ser preservados do contingenciamento que o governo pretende fazer neste ano de 2016 e que deve ser anunciado oficialmente hoje ou nos próximos dias.
  • Devem ser mantidos o Bolsa Familia, O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Minha Casa Minha Vida. Eles deverão permanecer intactos.
  • Os três programas deverão consumir aproximadamente R$ 53,8 bilhões neste ano, segundo dados do Ministério do Planejamento.
  • O programa Minha Casa Minha Vida já sofreu alguns ajustes no ano passado, quando sofreu um corte em seu orçamento de R$ 8,6 bilhões. Mas o governo compensou a redução com recursos do FGTS.
  • No caso do Fies o governo já reformulou o programa na gestão do ex-ministro Joaquim Levy da Fazenda. O governo aumentou a taxa de juros para reduzir subsídios, endureceu as regras para concessão dos benefícios e priorizou estudantes das universidades melhor avaliadas.
  • No caso do Bolsa Família o orçamentou passou de R$ 27 bilhões em 2015, para R$ 28,116 bilhões em 2016.

11/02/2016 02:17

                   Participante ativo dos bastidores de vários crimes de muita repercussão nos últimos anos em São Paulo, o tenente-coronel da reserva Diógenes Lucca esta contando em livro os fatos não divulgados anteriormente. Entre esses casos estão o sequestro do apresentador Silvio Santos, de 2001, o sequestro do empresário Abílio Diniz em 1989 e o Massacre de Carandiru, de 1992. Anos depois, o militar lança o livro “Diário de um policial” em que narra a sua participação como membro efetivo da Rota (Ronda Ostensiva Tobias de Aguiar) e do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais), ambos grupos de elite da polícia paulistana. Outros casos de menor repercussão como a morte da professora Adriana Caringi em 1990 ou o sequestro de um grupo de religiosos, mantidos como reféns dentro de uma igreja em São Bernardo do Campo.

Bastidores de crimes famosos 2

                   Diógenes Lucca, que hoje é comentarista de segurança da Rede Globo, diz que para compor o livro escolheu casos onde pode citar bandeiras próprias, exemplares na busca por uma polícia melhor. Ele considera que a conduta dos policiais melhorou bastante nos últimos anos, mas alguns casos de violência policial “arrebenta a imagem da corporação”. Nos primeiros nove meses de 2015, a polícia paulistana matou 494 pessoas, segundo relatório da Human Rights Watch. No livro, surgem também algumas divergências com a versão oficial em alguns detalhes, como na megarrebelião comandada pelo PCC em 29 presídios de São Paulo.

Dilma muda comunicação

                   A campanha de combate ao vírus da Zika trouxe à tona a insatisfação do Palácio do Planalto com a condução da politica de comunicação do governo federal. Dede Novembro último que a presidente Dilma Rousseff decidiu mudar as agências de publicidade responsáveis pela comunicação do seu governo. Hoje sob o comando do ministro Edinho Silva, a comunicação tem sido criticada pelos partidos aliados e pelos demais componentes do governo. Embora ainda não tenha oficializado a decisão de mudança das agências, isso ficou claro no último dia 15 de Janeiro, quando foram prorrogados por apenas 4 meses, os contratos das três agências (Leo Burnett, Propeg e Nova/SB) que atendem a conta do governo. Em geral os contratos são renovados anualmente, e a última renovação aconteceu em Fevereiro do ano passado. Para este ano o orçamento da Secretaria de Comunicação do Governo ficou em R$ 140 milhões e a Secom minimiza os problemas. Nas reuniões com as assessorias de comunicação e secretários-executivos dos ministérios, o ministro Edinho Silva reafirmou a importância de manter e fortalecer a coesão e integração na execução das campanhas governamentais revelou uma fonte do governo. A substituição das agências não deverá ser a única alteração na comunicação, considerado um setor fundamental na resistência das manifestações do impeachment. Outro cargo que ficou vago recentemente foi o de diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), com a saída do jornalista Américo Martins.

 

Workshop na Semed

                   Diretores e coordenadores da rede pública municipal de ensino participam nos próximos dias 17 e 18 deste mês, de um workshop para unificar as ações e tirar as dúvidas sobre o calendário escolar de 2016. O evento acontece no auditório Paulo Freire, na sede da Secretaria Municipal de Educação, no bairro da Cambona. O objetivo é esclarecer diretores e coordenadores escolares sobre a confecção do calendário à luz das exigências da legislação educacional, que estabelece 200 dias letivos e 800 horas de carga horária mínima, explicou a diretora de normas e legislação da Semed, Adélia Bonfim.

Workshop na Semed 2

                   O evento terá dois momentos distintos, No primeiro deles, uma equipe técnica da Secretaria apresentará aos participantes a legislação pertinente ao calendário escolar. No segundo todos participarão de uma oficina para a produção do cronograma. Serão duas turmas por dia. A diretora Adélia cita ainda a importância do cumprimento do cronograma graças à validação do ano letivo em cada escola. “O documento rege o ano letivo em cada escola, e por isso é necessária a orientação sobre qualquer mudança que altere o calendário estabelecido” explicou.

Aborto para microcefalia

                   A já confirmada associação do Zika vírus com os casos de microcefalia que eclodem em todo o país, forçaram um grupo formado por advogados, acadêmicos e ativistas a encaminhar uma ação ao Supremo Tribunal Federal, que cobra o direito de interromper a gravidez em casos em que a síndrome for diagnosticada nos bebês. A ação deve ser encaminhada talvez até o final do mês devido à urgência da situação. “A atual epidemia o vírus Zika exige do estado brasileiro a adoção de um conjunto amplo de medidas para a proteção de direitos que não se restringem ao direito da interrupção da gravidez” defende a antropóloga Débora Diniz, uma das coordenadoras do trabalho.

Aborto para microcefalia 2

                   Em situações onde há resultado positivo para a microcefalia, é preciso que haja, segundo os autores da ação, o encaminhamento para um pré-natal de alto risco, caso a mulher queira prosseguir com a gravidez, ou o direito ao aborto legal, caso a mulher prefira interromper a gestação. Nesse caso, a autorização para o aborto deve ser garantida a partir da confirmação da infecção, como um direito da mulher diante de uma epidemia descontrolada pelo Estado brasileiro. A decisão de entrar com a ação junto ao Supremo veio a partir da classificação de emergência global em saúde pública pela Organização Mundial da Saúde (OMS) pela expansão do Zika vírus em toda a América Latina.

 

 

  • Segundo dados da Secretaria Municipal da Ordem Pública do Rio de Janeiro 492 pessoas foram multadas no Domingo de carnaval por fazerem xixi no meio da rua, durante a passagem dos blocos.
  • Do total 88 eram mulheres e seis estrangeiros. No bloco Simpatia é Quase Amor, em Ipanema, foram flagrados 54 mijões (6 mulheres); No bloco Areia, no Leblon, foram multadas 205 pessoas (41 mulheres). No Bangalafumenga, no Flamengo, outras 61 pessoas foram multadas por fazer xixi em via pública.
  • No Cordão do Boitatá, no Centro, outros 172 mijões foram multados (23 mulheres). No Rio, fazer xixi na rua dá uma multa de R$ 510.
  • A revitalização do carnaval de rua através dos blocos formados por amigos, vizinhos, profissionais, ou mesmo simplesmente por pessoas que gostam de se divertir desta forma, é sempre muito bem vinda.
  • Mas o problema no xixi em público é de difícil solução. Foi um dos motivos que acabaram por acarretar o fim do Maceió Fest na orla da capital.
  • E sempre usado como argumento quando se discute o retorno dos grupos carnavalescos ou festivos nas ruas.
  • Multar resolve? Banheiro químico serve? Tem outra solução?

07/02/2016 06:31

                   Uma mansão em Miami que pertenceu ao traficante colombiano Pablo Escobar e que foi demolida para abrigar um prédio, trouxe uma surpresa às equipes de busca: eles encontraram um cofre secreto escondido debaixo de uma fundação na entrada do prédio. O cofre, com mais de 200 quilos, foi encaminhado a um banco até que seja expedida uma decisão judicial para abri-lo. A mansão, adquirida por US$ 10 milhões tem 680 m2. No inicio do processo de demolição as equipes encontraram um pacote com conteúdo branco e pastoso, que esta sendo analisado e outro cofre menor, que foi roubado antes de ser aberto.

Agenda contra o vírus Zika

                   Seguindo as orientações dos presidentes Barack Obama dos Estados Unidos e Dilma Rousseff do Brasil, o ministro da Saúde brasileiro, Marcelo Castro e a Secretária de Saúde dos EUA, Sylvia Burbell reafirmaram a realização de uma agenda conjunta no combate ao mosquito Aedes aegypti. Eles participaram de uma teleconferência esta semana onde acertaram alguns pontos comuns. Castro e Sylvia pretendem buscar cooperação para o desenvolvimento de pesquisa para diagnósticos, vacina e tratamento contra o vírus Zika. Além disso, sem comprometeram em acelerar as investigações em curso sobre infecções causadas por arbovírus, relacionadas aos casos de microcefalia e de Síndrome de Guillain-Barré. Segundo o Ministro brasileiro, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, também se colocou á disposição para trabalhar nos aspectos do combate ao mosquito. O orgão norte-americano tem atuado em parceria com o Ministério da Saúde do Brasil, desde que o país decretou emergência de saúde pública, em 11 de Novembro. A reunião por teleconferência desta semana é decorrência do encontro entre os dois presidentes quando ficou acertado o enfrentamento da doença em conjunto pelos dois países. Já ficou marcada uma nova reunião, para o dia 20 de Fevereiro, com a participação de técnicos do National Institute of Health, do CDC e técnicos do Ministério da Saúde do Brasil, Instituto Evandro Chagas, Fundação Osvaldo Cruz, Instituto Butantan e outros especialistas convidados.


Ingressos das Olimpíadas

                   Já foram vendidos 75% dos ingressos para as Olimpíadas deste ano, segundo anúncio feito pelo Comitê Organizador Rio 2016. As competições acontecem de 5 a 21 de Agosto e já foram vendidos 2,75 milhões de bilhetes para assistir as disputas olímpicas, que incluem 42 esportes. Já para a Paralimpíadas, foram comercializados 330 mil ingressos, cujos jogos acontecerão de 7 a 18 de Setembro. Os estados que mais compraram tíquetes foram Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Distrito Federal. As modalidades olímpicas mais procuradas são futebol, basquete, vôlei e atletismo. Os preços variam entre R$ 10 a R$ 100 dos ingressos restantes.

Aquisição de alimentos

                   Uma reunião realizada na sede da Emater definiu as novas metas do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), assim como as entidades que vão atuar na operacionalização e execução do Programa. O investimento garantido pelo Ministério do Desenvolvimento Social é de R$ 6,7 milhões, beneficiando 1.050 famílias de produtores rurais de Alagoas, além de 320 organizações e entidades que vão receber os alimentos adquiridos neste primeiro semestre de 2016. O programa totalmente reformado será lançado oficialmente em Março com a presença do governador Renan Filho.

Aquisição de alimentos 2

                   Para o diretor-presidente da Emater, Carlos Dias, o PAA tem uma importância fundamental para a economia e para a produção agrícola no Estado. “Serão mais de mil famílias que terão sua produção adquirida a um preço justo, e destinada a 320 instituições que receberão estes alimentos. O segmento agrícola terá um incremente financeiro importante, além de atender no aspecto social a quem precisa destes alimentos” explicou Dias. Neste mês de Fevereiro será feito o levantamento e a atualização cadastral dos agricultores produtores e das instituições beneficiadas. O lançamento deverá acontecer até o dia 7 de Março.

O Papa e o Nobel da Paz

                   Pelo quarto ano consecutivo, o Papa Francisco esta entre os indicados para receber o prêmio Nobel da Paz. Desta vez a indicação ao comitê norueguês responsável por conceder a honraria, foi feita pelo arcebispo sul-africano Desmond Tutu, que inclusive foi agraciado com a honraria em 1984, pela sua luta com o regime do Apartheid no seu país. As indicações tinham que ser apresentadas até a última segunda feira (1º) e inclui também a iraquiana Nadia Murad, símbolo das mulheres violentadas pelos jihadistas do Estado Islâmico e a equipe feminina da Federação dos Ciclistas do Afeganistão, apoiada por 118 parlamentares italianos.

O Papa e o Nobel da Paz 2

                   Por outro lado o comitê norueguês que indica o vencedor recebeu um abaixo assinado de 600 mil pessoas, pedido que o Nobel da Paz deste ano seja entregue aos habitantes das ilhas gregas que acolheram milhares de imigrantes em fuga da Síria. Nos três anos anteriores, o papa Francisco era tido como um dos favoritos para levar o prêmio, mas acabou perdendo em 2013 para a Organização para a Proibição de Armas (Opac); para o indiano Kailash SWatyarthi e a paquistanesa Malaia Yousafzai em 2014 e para o Quarteto de Diálogo Nacional da Tunísia, em 2015.

 

 

  • Uma pesquisa realizada pelo instituto Data Popular mostrou que o brasileiro considera que corrupto sempre é o outro. Apenas 3% das 3,5 mil pessoas entrevistadas afirmam ser corruptos, mas 70% admitem ter tomada pelo menos uma "atitude corrupta” na vida e 80% dizem conhecer alguém que cometeu algo ilegal.
  • Comprou algum produto pirata? 67% dizem que sim. Recebeu troco a mais e não devolveu a diferença? 21% admitem que sim, e 46% dizem que não, mas que conhecem alguém eu o tenha feito.
  • Pagou propina a um policial ou agente de fiscalização? Só 7% confirma a malandragem, mas 19% conhecem alguém que subornou.
  • Declarou ou deixou de declarar algo para a Receita visando a restituição? Apenas 1% admite, mas 15% conhecem alguém que faz isso sistematicamente.
  • O Data Popular concluiu que a corrupção esta enraizada a tal ponto, que o brasileiro não se percebe como corrupto. “Se acha isento nas pequenas corrupções de que se beneficia e critica as grandes, nas quais se acha lesado”.

06/02/2016 09:29

                   Figura polêmica na luta pela reforma agrária no Brasil, o fundador da Frente Nacional de Luta Campos e Cidade (FNL), José Rainha, reapareceu no cenário politico esta semana, ao ser recebido pelo Presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Ele foi apresentar as dificuldades que enfrenta sobre questões de terras que são ocupadas e não são vistoriadas e sobre a PEC que trata das terras indígenas. Rainha, que já presidiu o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) disse que pretende conversar ainda com o Presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, do Senado, Renan Calheiros e com a Presidente Dilma Rousseff.

Rainha volta à cena 2

                   Na audiência com Cunha, José Rainha justificou as ocupações e invasões que seu grupo vem fazendo, como forma de pressionar as autoridades sobre “o descaso com a reforma agrária” e com a situação da agricultura familiar no país. “O único jeito de sermos ouvidos é a gente gritar. As ocupações são uma forma de pressão para chamar a atenção sobre a situação dos trabalhadores que vivem em acampamentos. Não se trata de rompimento, não somos aliados do governo, somos do movimento social, somos aliados dos trabalhadores que lutam pela reforma agrária, em defesa das terras indígenas e em defesa dos quilombolas” justificou José Rainha.

ONU defende Assange

                   O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, que esta refugiado na Embaixada do Equador em Londres para evitar sua extradição aos Estados Unidos, recebeu o importante apoio de um painel de especialistas da ONU, na última quinta feira. Os representantes das Nações Unidas consideram que a ordem de detenção contra Assange, emitida pelo Reino Unido, é arbitrária, sugerindo que o seu passaporte, que foi apreendido, seja devolvido. Ele é investigado sob acusação de estupro na Suécia, mas alega que o processo é fraudado exatamente para que a Suécia o encaminhe aos Estados Unidos. Julian Assange trabalhou por muitos anos na Agência de Defesa dos EUA, tendo acesso a diversos documentos confidenciais, que comprovavam a ação americana ilegal em diversos países, governantes e empresas (como foi  com a Presidente Dilma Rousseff e com a Petrobrás). Ele deixou a agência, começou a divulgar estes documentos e teve um mandato de prisão por espionagem decretado pela justiça americana (que pode inclusive condená-lo á prisão perpétua). Ele esta há três anos na Embaixada do Equador, que lhe concedeu asilo politico, mas não pode sequer botar o pé na rua, que seria preso pelos ingleses, encaminhado á Suécia e esta o extraditaria para os EUA. Os documentos divulgados eram verdadeiros e mostravam a ação de espionagem do governo americano em inúmeros países, líderes mundiais e empresas de grande porte. A decisão da ONU não modifica a situação de Assange de imediato, mas pode aliviar sua culpa.

 

Frequência escolar

                   O Ministério da Educação divulgou o calendário de Frequência Escolar para os alunos da rede pública que são atendidos pelo Programa Bolsa Família. Um dos objetivos do programa é manter os filhos com idade entre 6 e 15 anos na escola, sendo que por lei, a frequência mínima exigida é de 85% da carga horária mensal. Segundo o calendário, o período de ajuste da informação do aluno vai de 29 de Fevereiro a 17 de Março, sendo que o sistema de presença estará disponível para impressão a partir de 18 de Março, com abertura do procedimento no dia 1º de Abril e fechamento para envio de dados em 29 de Abril.

Silêncio no carnaval

                   Assim como acontece em Alagoas, diversos municípios brasileiros estão sendo advertidos sobre os festejos carnavalescos. Uma pesquisa da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) mostrou uma redução considerável no número de locais onde o apoio da municipalidade sempre foi fundamental. O estudo mostrou que até o ano passado, 56% dos municípios brasileiros tinham o costume de apoiar os festejos. Neste ano o percentual caiu para 31,6%. A pesquisa apontou que 64,9% das prefeituras não investirão no carnaval deste ano. A alegação é que o dinheiro será investido em outras áreas como saúde, educação e infraestrutura.

Silêncio no carnaval 2

                   Habitualmente 43,7% dos municípios brasileiros não apoiavam o carnaval nos anos anteriores. A maior parte com uma população pequena, de até 50 mil habitantes, e com uma dependência quase total do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A pesquisa ouviu 2.903 municípios (52,1% do total) de todas as regiões do país entre 19 e 28 de Janeiro. O apoio financeiro será dado em 68% destes municípios. O gasto médio será de R$ 129 mil, correspondente a 81% do valor investido em 2015. Muitos apostam no retorno proporcionado perlo turismo na região e pelos visitantes dessas cidades.

A fartura do campo

                   A safra brasileira deve somar 210,7 milhões de toneladas em 2016, segundo o Levantamento Sistemático de Produção Agrícola (LSPA) referente a Janeiro e divulgado esta semana pelo IBGE. O resultado é 0,6% maior que a produção obtida em 2015 que alcançou 209,5 milhões de toneladas. O arroz, o milho e a soja representam 92,7% da estimativa de produção. O IBGE divulgou ainda que que o Brasil deve colher 58,5 milhões de hectares na safra de grãos em 2016. Este total será 1,3% maior do que a colhida no ano passado. A estimativa para a produção de soja na atual safra chegou a 102,689 milhões de toneladas, de acordo com o IBGE.

 

 

  • Vai pegar a estrada neste feriadão do carnaval? Se ligue em algumas dicas importantes:
  • Faça revisão dos itens de segurança do veículo, calibre pneus e estepes. Verifique a situação dos freios, óleo de motor e filtros.
  •  Planeje sua viagem, optando não apenas pelo caminho mais curto, mas que trouxer mais tranquilidade. Programe pontos de parada e fique atento à previsão do tempo.
  • Organize malas e outros utensílios dentro do carro, para não gerar desconforto e principalmente não atrapalhar o motorista.
  • Cuidado redobrado com as crianças. Menores devem andar no banco de trás, com cinto e outros equipamentos de segurança.
  • Não esquecer o cinto de segurança para todos, e no caso dos motociclistas os equipamentos fundamentais de segurança.
  • Respeite a sinalização e os limites de velocidade, e lembre-se que os orgãos de segurança nas estradas vão trabalhar todas as horas no carnaval.
  • Se beber não dirija, claro. Mas também fique atento ao período de descanso entre a ingestão de álcool e a condução do automóvel para não ser surpreendido e punido.