Nova denúncia sobre corpos de meninas de Coruripe mobiliza a polícia - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2014
Polícia

Nova denúncia sobre corpos de meninas de Coruripe mobiliza a polícia

Agentes foram a um canavial e confirmaram que corpos eram de adolescentes

19 Mai de 2012 - 11:34

Foto: Arquivo Pessoal

Corpos das amigas foram encontrados na manhã deste sábado em Coruripe

Corpos das amigas foram encontrados na manhã deste sábado em Coruripe

Atualizada às 12h15

Acabou a angústia e, com ela, se foi também a esperança de encontrar com vida as duas jovens Eduarda dos Santos e Cínthia da Silva Santos, ambas de 15 anos, que estavam desaparecidas desde o dia 14 deste mês.

A polícia recebeu uma nova denúncia de que dois corpos de duas meninas foram encontrados na manhã deste sábado em Coruripe. Uma equipe da Polícia Civil se dirigiu ao local - um canavial próximo à Usina Guaxuma, zona rural do município e a 12km do Centro - e confirmou que a denúncia procede.

Os corpos são das duas amigas. O delegado José Carlos Sales, que invetiga o crime, confirmou que as roupas encontradas nos cadáveres eram as mesmas usadas pelas adolescentes no dia de seu desaparecimento, assim como as características físicas.

O escrivão da Delegacia de Coruripe, que foi o primeiro a chegar no local, já havia informado à Polícia Civil sobre as semelhanças.

O Instituto de Criminalística e o Instituto Médico Legal foram acionados para o local. Os corpos serão conduzidos para Maceió, para realização de necropsia.

Desaparecimento

As amigas Eduarda e Cínthia saíram do Povoado Areias, localizado na zona rural do município de Coruripe, onde moram com a família, para ir ao Centro da cidade na segunda-feira da semana passada, dia 14, mas sumiram.

Antes de desaparecerem, as amigas foram vistas entrando em um veículo Fiat Punto de cor prata igual ao que pertencia ao jovem Raphael Lima, preso suspeito de ter participação no crime.

O carro dele, de mesmo modelo e placa NML-5057 foi apreendido para perícia.

O suspeito e outro homem identificado como Darlan Silva tiveram a prisão temporária decretada pela juiz Alex Sóstenes, da comarca de Coruripe, na quinta-feira (17).

Antes de ser preso, Raphael usou a sua página pessoal no Facebook para se defender e se declarou inocente. Ele disse estar sendo vítima de armação.lia, para ir ao Centro da cidade na segunda-feira da semana passada, dia 14, mas sumiram.

Antes de desaparecerem, as amigas foram vistas entrando em um veículo Punto.

Comentários


  • em 29/05/2012 as 23:20

    joao beltrao coruripe é sua casa vagabundo quer samba no seu terrero,ha mostre que em coruripe tem lei. quem joao beltrao tem lei

    é deputado joao beltrao na sua terra malandra quer samba e zomba da cara dos coruripense ai é terra de homem em 22/05/2012 as 00:32

    em 22/05/2012 as 00:20

    é deputado joão beltrão agora é a hora de mostra serviço pra população de coruripe a terra que vc mesmo bate no peito e diz que tanto amar.o senhor é lei e tem total poder para mostra a cara desses desgraçados que infelismente acabaram com a vida dessas 04 meninas.

    graziele em 21/05/2012 as 21:59

    deputado joão beltrão nos coruripenses acreditamos muitoem voce por isso pedimos que clame por justica na assembleia nao deixe eles esquecerem

    rubens adsa silava em 21/05/2012 as 02:51

    o nome do Juiz é Sóstenes Alex Costa de Andrade. redigite o nome correto, obrigado

    Coruripe em 20/05/2012 as 16:22

    em 20/05/2012 as 14:27

    Engraçado tudo que acontece de ruim em Coruripe tem participação do deputado João?
    Está perseguição é por que ele tem coragem?
    Que Deus dê o conforto merecido a estas famílias
    E o que ele trouce de bom para está região?
    Vocês tem pouca memoria?
    Que Deus dê o conforto merecido a estas famílias.
    Bom dia amigos Coruripenses.

    Um amigo da comunidade de Coruripe. em 20/05/2012 as 12:30

    PRA UM POVO CAPACHO QUE ACEITOU POR DÉCADAS A FIO A SANHA CRIMINOSA DO JB, ISSO AÍ CAFÉ PEQUENO. PENSE NUM POVO SEM VERGONHA É ESSE DE CORURIPE, NUNCA TIVERAM CORAGEM SEMQUER DE DEUNCIAR AS HORDAS DE BANDIDOS ASSOCIADOS QUE ASSOLAM A PACATA E CENTENÁRIA CORURIPE, UMA DESGRAÇA.AGUENTA MUNDIÇA!!!

    LAGOA DO PAU em 20/05/2012 as 10:49

    o joao nao e o mesmo . agora e joao medroso .kkkkkkkkkkkkkk em 20/05/2012 as 05:17

    A DOR DE UMA MÃE PERDER SUAS FILHAS DE UMA FORMA TÃO BRUTAL. SE VAI UMA PARTE DELA , OU SEJA MORRE JUNTO.AMIGOS DE CORURIPE É CO PROFUNDA DOR QUE FAÇO ESSE COMENTÁRIO! QUE DEUS COLOQUE-AS EM CAMINHO DE MUITA LUZ!!! ESTOU DE LUTO! E VAMOS RESPEITAR A DOR DAS FAMILIAS E REZAR PARA QUE DEUS CONFORTE!MISERICORDIA SENHOR!!!

    alagoana em 20/05/2012 as 05:04

    e mais uma veis aconteçeu ja e 4 garotas mortas e sem solução da poliçia vamos ver deputado so tem vc pra da um geito nesse caso ou vai se torna mais um sem solução vamos joão beltrão vamos da um geito a esse caso

    elison em 20/05/2012 as 00:30

    em 19/05/2012 as 23:50

    Umas acredito que não saibam escrever; outras é porque são escrachadas.

    em 19/05/2012 as 19:26

    As pessoas não sabem mais escrever.

    Pasquale em 19/05/2012 as 18:26

    QUE PENA A NOVELA SE REPETIU COMO E QUE PODER ACONTECER I SOR COM AS DUAS NIMINAS

    ricardo em 19/05/2012 as 18:10

    E AGORA DEPUTADO JOÃO BELTRAO.AS MENINAS APARECERAM MORTAS ASIM COMO AS OUTRAS DUAS,SENDO QUE NESSE CASO JA TEM DOIS SUSPEITOS,SENDO COMFIRAMDO QUE ELES FORAM OS CULPADOS,O SINHOR VAI FAZER VALER OQUE DISSE,?QUE BANDIDO TEM QUE ENTRA NA ESPINGARDA,?ESPERO QUE SIM DEPUTADO POIS O SEONHOR PODE FAZER ISSO SEM DEIXAR RASTRO,E ASIM SENDO PELO MENOS AS FAMILIAS DESSAS ADOLECENTES FICARÃO MASI TRANQUILAS

    em 19/05/2012 as 17:46

    Que pena... a novela se repetiu :(

    Ruiva em 19/05/2012 as 16:56

    Escreva

    O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

    Você também pode nos ajudar a moderar comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão: para isso, envie um e-mail para denuncie@tribunahoje.com.

    Digite o código abaixo para enviar seu comentário.