Bebé de 2 anos acorda no próprio velório e pede água - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2014
Brasil

Bebé de 2 anos acorda no próprio velório e pede água

Criança sentiu-se mal e foi levada para o hospital, onde chegou já morto

TVi24 07 Jun de 2012 - 12:02

Foto: Arquivo Pessoal

Pais do bebê devem processar hospital por negligência

Pais do bebê devem processar hospital por negligência

Uma criança de dois anos acordou no próprio velório, sentou-se no caixão e pediu água. A situação, relatada por familiares, aconteceu no último sábado, em Belém, no Brasil. Depois disto, o menino voltou a sentir-se mal e foi levado para o hospital, mas chegou já morto.

Agora, de acordo com a edição online do jornal «Folha de São Paulo», a Polícia Civil do Pará investiga se houve erro médico na declaração da «primeira morte». Mas os populares da ilha de Cotijuba, onde tudo aconteceu falam em milagre ou algo sobrenatural.

O menino tinha sido internado na sexta-feira, com febre e falta de ar. Nesse mesmo dia, de acordo com o jornal, o hospital constatou a morte da criança, apontando como causa do óbito insuficiência respiratória, broncopneumonia e desidratação.

O cadáver da criança foi tratado, os orifícios do corpo foram tapados, embrulhado numa saco funerário e enviado para a morgue. De acordo com o hospital, ele esteve mais de três horas nestas condições, sem conseguir respirar, mas a família garante que abriu o saco plástico e retirou o algodão das narinas e da boca.

As pessoas presentes no funeral asseguram que o menino esteve «a mexer-se o tempo todo», até que alguém lhe fez massagem cardíaca. O menino acordou, cuspiu restos de algodão que tinha ainda na boca e disse: «Pai, água».

A situação provocou o pânico e a avó do menino chegou a desmaiar.

Comentários


  • so deus pra ajudar essa familia que deus acampe seus anjos no lar dessa pessoas

    sandra em 03/09/2013 as 20:15

    nusss mano isso e coisa do outro mundo

    odaysa em 22/10/2012 as 19:21

    loco em garanto que o pai do menino levou um susto

    bobo em 09/10/2012 as 18:55

    em 05/08/2012 as 20:06

    Que vergonha pratocamente enterraram o menino vivo gente, imagina se ele acordou emboaixo da terra?? ele não devia esta morto devia estar em coma, igual ele estava e acordou no seu proprio velorio! E agora fazer oq com essa bostas de medicos?? nada neh? E a justiça do Brasil! Ridiculo isso!!!

    em 29/06/2012 as 14:22

    O que fazer? Agora não tem retorno! Só resta tentar confortar esta família, é uma pena que em um pais tão lindo como o Brasil onde a nossa querida Belém do Grão Pará, a “Cidade Maravilhosa” esta situada, esteja acontecendo, este fato tão triste por parte de um profissional médico, uma criança que nem pode chegar a juventude. Que Brasil é este, tantos jovens precisando trabalhar, porém tantos precisando de treinamento adequado, e que por muitas vezes até possuem qualificação, mas onde achar este local der trabalho em que seu profissionalismo seja reconhecido, dando ? lhes oportunidade para aplicar o conhecimento adquirido, e desenvolver suas habilidades! Os mais abastados, saem do país em busca de oportunidades melhores, os que precisam trabalhar por sobrevivência ficam, a espera de dias melhores, mas cadê estas melhoria, existem profissionais competentes, não se pode generalizar, tive oportunidade m utilizar o SUS de nossa cidade, não morri graças Deus, mas passei pela experiência onde o médico mal me olhou,onde tiver que dizer para ele quais os exames que precisava,para que eu pudesse faze ,isto após passar três dias indo de madrugada para conseguir a tão famosa ficha para atendimento , e que as veze mesmo conseguindo ,o atendimento só acontece no próximo dia,isto quando não em meses,e as vezes nem chega a acontecer. Afinal de contas sou brasileira, e torço para que o rumo das coisas mudem .Que Brasil é este,como melhorar,o povo esta pedindo socorro.
    Rosangela Costa
    Belém - PA

    em 25/06/2012 as 02:08

    em 25/06/2012 as 00:26

    A falta e assistencialismo que causa tudo isso os médicos do SUS mal olham para sua cara ou lhe examinam, só querem se livrar de vc e chamar o próximo paciente, para que tudo acabe e possa ir para outro hospital já que trabalham por produção, e revoltante tudo isso.

    Jaque em 18/06/2012 as 14:37

    negligencia medica,mais foi triste por que uma crianca que lutou para tentar sobreviver lutando sózinho só com a forca de deus,por q os medicos que poderia ajudar,nao conseguiram por serem inconpetentes,umacrianca linda abençoada por deus em 13/06/2012 as 12:05

    Infelizmente será mais um caso de negligência médica, que ficará impune no Brasil. País do futebol, da copa e das injustiças sociais. -Afinal, em um país, em que o exemplo da negligência vem do próprio poder público. O que se esperar mais?- Que um médico em 12/06/2012 as 02:45

    em 12/06/2012 as 02:35

    fiquei triste pela essa familia
    a culpa disso tudo e nosso governo , isso vai acabar dano nada por que e o brasil
    fosse outro pais ,isso ja tinha resolvido


    sem comentario em 12/06/2012 as 00:37

    em 11/06/2012 as 22:57

    negligência médica, não há nada de sobrenatural neste caso,quer dizer o menino não estava morto. Mas devido a falta de atenção e socorro médico ele veio a falecer, infelizmente um médico nunca vai assumir seu erro, mas a dor da perda quem fica é a familía, que judiação,lamento por essa mãe que dor não está sentindo ela esse momento. Que DEUS conforte o coração dela.

    em 11/06/2012 as 16:17

    em 11/06/2012 as 15:46

    Deus da a vida e ele tira quando ele quer Deus mostrou para todos o seu poder. em 11/06/2012 as 02:54

    pune. Meus sentimentos para familia que Deus á conforte.

    É dificil acreditar médicos passam anos na faculdade,e cometem uma inegrigencia dessa.! em 10/06/2012 as 19:01

    So Deus pra ter piedade desta familia, prq é muita revolta que da em nossos coraçoes so de pensar no que esta familia esta passando, é muita indignaçao!!!!!!!!!!!

    em 09/06/2012 as 21:24

    nossa desde o momento que fiquei sabendo desse ocorrido estou transtornado, e muito triste, mesmo nao conhecendo a criança pessoalmente, agora imagina vcs os pais dessa criança,oque deve estar se passando na cabeça deles..o sofrimento que esse anjinho de apenas 2 aninhos passou com um saco em sua volta, com a boquinha e nariz e ouvido todo tapado!!! isso é um absurdo gente!!! que brasil é esse?... que milagre nada!!! isso foi uma tremenda negligência medica, achando que filho dos outros é animal..o jeito é orar para que Deus de muito conforto para essa familia, pois deve estar sofrendo muito tbem, esse anjinho ja esta nun bom lugar!!! e que a justiça dos homens seja feita punindo todos os responsavel severamente pois esse tipo de erro jamais pode acontecer! que esse caso nao termina em pizza como tanto outros que ja obs: por se tratar de familia humildes...esse garoto lindo estaria vivo hj se os medicos fossem mais profissionais em suas areas, que isso sirvam de exemplo para os futuro possiveis acontencimentos.fica aqui um desabafo de um pai humilde que ama muito seus filhos... deixo meus sincero sentimentos a todos familiares fique todos com Deus.

    vitor em 09/06/2012 as 09:24

    Num to conseguindo acreditar q isto realmente aconteceu! em 09/06/2012 as 04:43

    Que Deus de forças e esta família, oque sentimos ao ler a matéria não chega nem aos perto do oque a família ainda esta sente! Justiça deve ser feita!

    Celso em 08/06/2012 as 22:20

    MARI..........CHEGA A SER NOGENTO ...OQ FIZERAO COM O MENINO....... em 08/06/2012 as 17:48

    ESSES VAGABUNDOS FILHA DA PUT....DESSES MEDICOS QUE NEM PRA VITERINARIO SERVEM...DESGRASSADOS....QURIA Q FOSSE PARENTE OU FILHOS DESSE MADICO PRAVE COMO NAO SERIA ASSIM em 08/06/2012 as 17:37

    em 08/06/2012 as 17:34

    SEM COMENTARIO...E SIMPLESMENTE 1 VERGONHA NOSSOS MEDICOS E UMA VERGONHA PARA O BRASIL em 08/06/2012 as 17:17

    Sinceramente...acho q cada dia que passa a saúde no Brasil deixa de ser uma prioridade,que casos assim deveriam ser muito bem investigados e encontrar um culpado como com certeza tem.Isso vai cair no esquecimento das autoridades e continuar acontecendo infelizmente.Que Deus olhe por nós...pois ele é o único que se importa. Meus pêsames a família que sofreu duas vezes e nunca vai esquecer este trauma.

    Elizangela em 08/06/2012 as 16:43

    isto e uma vergonha para o nosso pais pois com tantas faculdades boa no pais.
    temos que passa por isso medicls incompetentes que não faz seu trabalho.

    camila em 08/06/2012 as 14:33

    o culpado dessas casos q. estão acontecendo com nosso povo é nois mesmos,poque temos a petolancia de ir nas urnas em epoca de eleição. em 08/06/2012 as 14:55

    BANDO DE MÉDICOS VAGABUNDOS tem que ser presos e fazer pior com eles hoje no Brasil só perde quem morre e quem morre é sempre os pobres os negros os que sofrem descriminação e os esquecidos como é o caso desse menino que tem uma familia que mora em um lugar sem educação sem saude e sem direitos iguais à outros no lugar em que o dinheiro fala mais alto.Eu falo isso porque eu morei nesse estado e lá nçao tem nada muito meno prefeito governador nada.....só ladrão bando de msenvergonhas.

    elivelton da conceição em 08/06/2012 as 13:36

    isso e uma vergonha. esses medicos de hoje em dia nem sabem o que estao fazendo.garanto que nem prestaram toda a atencao no garoto.

    andressa em 08/06/2012 as 02:45

    Primeiro ha q investigar o q se passou tirar as concluses e apurar as responsabilidades.
    Julgar sem saber o q realmente aconteceu e retoceder na historia da evolucao assim como mencionar o sobrenatural isso e particularmente Medieval. E lamentavel o q aconteceu ao menino mas acontecem situacoes medicas inacreditaveis. Sejamos mais justos e inteligente.Os meys pesames a famila

    Helena em 08/06/2012 as 02:54

    E ainda criaram mais vagas para os cursos de \"medicina\" no Brasil!!!! hahahaha!! Acabaram com o ensino superior e com a qualidade dos profissionais!! Parabéns PT!!

    Zenildo em 08/06/2012 as 02:40

    DERAM FOI MACONHA DEMAIS AO PIVETAO OIA A CARA DELE SÓ \\|/ MACONHA ´FAZ BEM A SAÚDE MAIS TENS SEUS EFEITOS\'

    ADE em 08/06/2012 as 02:18

    ISSO É UMA VERGONHA EU ESTAVA NO RIO DE JANEIRO I PERDI UM FILHO MINHA ESPOSA PERDEU COM 9 MESES OS MEDICOS NÃO SOUBER EXPLICAR O QUE ACONTECEU SÃO UNS BURROS A SAÚDE DO BRASIL ESTA ZERO.

    RAMINHO CONDADO PE em 08/06/2012 as 00:09

    onde e que o nosso brasil esta melhorando isso e deprimente.tenho vergonha as vezes de ser brasileiro porque ate em londres chegou esta noticia e o povo ficou cacoando da minha cara e muita brincadeira ne.

    rafael em 07/06/2012 as 19:42

    mas aonde está a capacidades desse médico estudou p/ que ou comprou um diploma ,precisa ser investigado paresce que estamos no tempo de adão e eva isso não pode ficar assim isso é falta de competencia meu deus

    rosa em 07/06/2012 as 18:56

    tambem sou pai,se uma coisa dessa acontece com meu filho que DEUS o livre disso,esse filho duma put...desse medico que passou anos e anos estudando so pra salvar vida comete um erro desse,com toda certeza esse animal irracional era um homem morto.

    pamela em 07/06/2012 as 17:41

    e será que assim não se foi tantos outros, por negligencia!!! não acho que é coisa
    sobrenatural!!!!

    alagoana em 07/06/2012 as 16:12

    meu deus se os medicos tivesem feito o serviço deles direito essa criança estaria viva eu estou indignada o nosso paiz esta um lixo ...meus pezames para essa familia deus abençoe vcs força ai nao desista nunka...

    karolquintiliano em 07/06/2012 as 15:56

    Escreva

    O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

    Você também pode nos ajudar a moderar comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão: para isso, envie um e-mail para denuncie@tribunahoje.com.

    Digite o código abaixo para enviar seu comentário.