Brasil

16 Jul de 2012 - 17:38

Policial é baleado em frente a creche no Rio e morre no hospital

Agente foi atingido ao tentar impedir um assalto em frente à unidade, no Grajaú
O Dia
Policial trabalhava como segurança e teria tentado impedir um assalto a uma mulher Agência O Dia Policial trabalhava como segurança e teria tentado impedir um assalto a uma mulher

O policial civil baleado na porta de uma creche, no Grajaú, na Zona Norte do Rio de Janeiro na manhã desta segunda-feira, morreu no Hospital do Andaraí. Ele foi atingido ao tentar impedir um assalto em frente à unidade, na Avenida Júlio Furtado.

Segundo testemunhas, Antônio Gama da Silva, de 49 anos, que trabalhava como segurança da unidade, viu uma mãe ser rendida por assaltantes. Ele gritou para tentar intimidar o bando, mas um dos criminosos atirou. Os bandidos fugiram com a arma do policial. 

O agente foi socorrido por bombeiros e levado para o hospital. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade. Agentes da 19ª DP (Tijuca) vão usar imagens da câmera de segurança da creche para tentar capturar a quadrilha.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.