Maceió registrou quatro assassinatos no último final de semana - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2014
Cidades

Maceió registrou quatro assassinatos no último final de semana

Entre as vítimas estavam um estudante de 13 anos e um vendedor de 26

Tribuna Hoje 08 Outubro de 2012 - 10:15

Foto: Sandro Lima / Arquivo

Corpos foram recolhidos para o Instituto Médico Legal, em Maceió

Corpos foram recolhidos para o Instituto Médico Legal, em Maceió

O último final de semana registrou quatro assassinatos em Maceió e apenas um em Cacimbinhas, Alagoas. De acordo com o relatório da Perícia Oficial, os homicídios ocorreram nos bairros do Vergel do Lago, Trapiche da Barra, Virgem dos Pobres e Benedito Bentes.

O corpo de Cosmo Lourenço de Lima, 30 anos, foi encontrado, ontem, por populares em estado de putrefação, na Avenida Cachoeira do Mirim, no complexo habitacional Benedito Bentes. De acordo com a Perícia Oficial, o rapaz era solteiro e natural de Paulo Jacinto.

Também neste domingo, o corpo de Leandro Pereira Gomes, de 20 anos, foi recolhido pela Perícia Oficial; ele foi vítima de arma de fogo, socorrido até a uma unidade de saúde, no conjunto Virgem dos Pobres III, no bairro do Trapiche da Barra, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e faleceu.

O jovem de 22 anos identificado como Rosenildo Firmino da Silva foi executado por arma de fogo, do mesmo modo no bairro do Trapiche. O fato foi registrado ontem, por volta das 05h. O estudante Wenderson José Cesar Almeida, de 13 anos, foi assassinado por arma de fogo no bairro do Vergel do Lago. O agricultor Nilson Terto da Silva, 31, também foi mais uma vítima fatal da violência em Alagoas, ele foi assassinado por arma branca, na Rua Sargento Benevides, no Centro de Cacimbinhas.

O vendedor Givaldo Ambrosio dos Santos, de 26 anos, também teve sua vida ceifada na manha do último sábado. O fato foi registrado no Vergel, na Favela Sururu de Capote.

Comentários


  • Seja o primeiro a comentar.

    Escreva

    O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

    Você também pode nos ajudar a moderar comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão: para isso, envie um e-mail para denuncie@tribunahoje.com.

    Digite o código abaixo para enviar seu comentário.