Luã Mattar: ‘Sofri bullying por ser filho de Maurício e Elba Ramalho' - Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas Tribuna Hoje - O portal de notícias que mais cresce em Alagoas
  • Alagoas, de 2014
Entretenimento

Luã Mattar: ‘Sofri bullying por ser filho de Maurício e Elba Ramalho'

Por causa da fama dos pais, o jovem optou por estudar música nos EUA, onde era um desconhecido: ‘Quis caminhar e vencer sozinho’.

Ego 12 Agosto de 2013 - 11:52

Trazer o sobrenome de famosos não foi fácil para Luã Mattar, filho da cantora Elba Ramalho e do ator e cantor Maurício Mattar. O jovem, hoje com 26 anos, resolveu estudar Música na Universidade de Berklee, em Boston, nos EUA, justamente para se afastar da fama dos pais.

Eu vivia à sombra deles. As pessoas sempre me comparavam com os meus pais."
Luã

A opção pela universidade americana foi a maneira que ele encontrou para mostrar sua capacidade e provar seu talento longe da influência familiar. “Eu vivia à sombra deles. As pessoas sempre me comparavam com meus pais e estudar fora do Brasil, sendo uma pessoa desconhecida, me permitiu caminhar sozinho. Pude conquistar o que conquistei com o meu talento sem negar a minha origem e o meu sangue”, conta Luã.

O jovem revela que na escola, ainda no Brasil, sofria o que hoje se define como bullying. “Diziam que eu só conseguia boas notas porque era filho dos meus pais e algumas outras coisas que, por ser muito criança e ingênuo na época, eu não entendia direito, mas que hoje aparecem como flashback e que atualmente eu definiria como bullying”.

Luã conta também que várias vezes ouviu seus colegas da escola falarem mal de seus pais, mas que isso jamais afetou a relação familiar. “Falavam coisas que me machucavam, mas sempre tive uma relação de sinceridade e amizade com meus pais. Sempre fomos franco uns com os outros. Temos visões diferentes de mundo, mas sempre discutimos tudo”.

A relação de respeito com os pais sempre norteou a vida de Luã. Segundo ele, quando viu na imprensa notícias sobre a recente briga na Justiça de sua meia-irmã Petra com o pai por pensão alimentícia, ficou decepcionado.

Achei triste. Uma coisa que não precisava vir à tona." (Sobre a briga de Petra Mattar com o pai por pensão)."
Luã

“Achei triste. Isso é uma coisa que não precisava vir à tona. Era pessoal e é uma privacidade entre os dois. Na época minha mãe teve vontade de se meter, mas pedi para ela ficar fora disso. Aprendi na minha educação que devemos honrar pai e mãe e respeitá-los mesmo que haja desavenças", declara.

Aluno exemplar
Nos três anos e meio que passou se especializando em tudo relacionado a música – composição, arranjo, produção -, as médias de notas de Luã nas provas oscilavam entre as pontuações A e B - de 90 a 100 e de 80 a 90 pontos, respectivamente. Isso o fez despontar no "Dean’s List", uma espécie de ranking dos melhores alunos de Berklee.

Luã, filho de Mauricio Mattar e Elba Ramalho, posa para o EGO (Foto: Marcos Serra Lima/EGO) 
Luã emagreceu 15kg desde sua volta ao Brasil

Para a conclusão do curso em dezembro do ano passado, seu trabalho final foi compor uma peça de até quatro minutos e reger uma orquestra de 24 músicos - na qual comandava instrumentos como harpa, percussão, sopros, metais e cordas. “Hoje estou apto a fazer qualquer trabalho ligado a música. E se no início meus pais tinham desconfiança das minhas sugestões, hoje me ouvem com  atenção”, comemora Luã, que acaba de fazer a produção musical da banda Ganeshas, formada por amigos. “Já temos algumas músicas gravadas e estamos à procura de uma gravadora para o segundo CD do grupo”.

Convencida pelo filho, Elba está reformando o estúdio que tem em sua casa do Joá, no Rio de Janeiro, e que até então era usado apenas para seus ensaios. O local, que terá equipamentos modernos para gravação, deve ser inaugurado até o final do ano e também será um lugar para Luã ensaiar suas próprias músicas e gravar trabalhos de futuros clientes. “Componho desde os 16 anos. Tenho ao todo umas oito músicas com letras e penso em me lançar como cantor”.

A experiência de viver nos Estados Unidos, segundo ela, foi essencial para seu amadureceimento. E desde que retornou ao Brasil, no final do ano passado, Luã optou por morar sozinho. Em seu apartamento no Leblon, na Zona Sul do Rio, ele prepara sua própria comida. E no cardápio nada de pratos práticos, pré-cozidos ou calóricos. Depois de se submeter a uma dieta ayurvédica sugerida pela namorada, a modelo Iana Imbu, Luã perdeu os 15kg que havia ganho na temporada americana. “Sei cozinhar arroz, feijão, saladas, sopas, legumes no vapor e alguns sanduíches.Também devolvi o carro para a minha mãe e optei por fazer tudo de bicicleta. Isso ajudou a emagrecer”, comemora.

Luã, filho de Mauricio Mattar e Elba Ramalho, posa para o EGO (Foto: Marcos Serra Lima/EGO) 
O músico também compõe e canta (Foto: Marcos Serra Lima/EGO)

Comentários


  • Seja o primeiro a comentar.

    Escreva

    O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

    Você também pode nos ajudar a moderar comentários considerados ofensivos, difamatórios, impróprios e/ou que contenham palavras de baixo calão: para isso, envie um e-mail para denuncie@tribunahoje.com.

    Digite o código abaixo para enviar seu comentário.