Cidades

28 Dezembro de 2013 - 10:44

Rateio do Fundeb depende de aprovação da Assembleia

O projeto, que beneficia 12 mil professores efetivos e contratados, já foi enviado à Assembleia, mas não foi votado
Divulgação

 O rateio da sobra dos re­cursos do Fundo de Manu­tenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissio­nais da Educação Básica (Fundeb), que seria pago no dia 30 de dezembro, con­forme foi anunciado pelo governador Teotonio Vilela no último dia 17, está invia­bilizado em consequência da greve dos servidores da Assembleia Legislativa Es­tadual.

Esperado com grande ex­pectativa pelos professores em atividade na rede es­tadual de ensino, o paga­mento do rateio depende de aprovação da Lei necessária a sua efetivação.

O projeto, que beneficia 12 mil professores efetivos e contratados, já foi enviado à Assembleia, mas não foi votado.

Este ano, o volume total de recursos do rateio é de R$ 35 milhões, equivalente a duas folhas salariais dos professores em atividade.

Comentários

O Tribuna Hoje coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais.

Digite o código abaixo para enviar seu comentário.